O bichão morreu!!! Suspeito de 30 homicídios troca tiros com a Operação Apolo no Nordeste

O traficante conhecido como Índio, suspeito de pelo menos 30 homicídios nos bairros de Nordeste de Amaralina e Brotas, foi morto na tarde desta sexta (18), por volta de 15 horas, após um intenso tiroteio na Rua da Bananeira, no Vale das Pedrinhas. O marginal resistiu a abordagem e atacou a guarnição com diversos tiros. Houve o revide e Índio entrou em uma outra rua. Foi nesse momento que os policiais da Operação Apolo conseguiram atingir o marginal, que estava com uma pistola, balança de precisão e celulares.

Índio era procurado há pelo mesmo 2 anos e exibia fotos com armas de grosso calibre nas ruas do bairro. “Esse aí era bichão, um alívio para a sociedade e os moradores de bem. Matou dezenas de pessoas”, revelou. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Geral do Estado, mas não resistiu aos ferimentos.