Relógios de 92 mil euros para premiados da FIFA foram roubados

A FIFA denunciou o roubo de seis relógios da marca Hublot que iriam ser oferecidos aos atletas distinguidos na última cerimônia realizada, em Zurique, na Suíça, onde o português Cristiano Ronaldo foi eleito melhor jogador de futebol do mundo pela quarta vez.

Cristiano Ronaldo e os outros vencedores iriam receber o modelo Bing Bang Football, avaliado em 92 mil euros, durante a cerimônia, mas terão agora de aguardar mais alguns dias por novos relógios.

A FIFA fez uma queixa à polícia de Zurique, que está agora investigando o roubo dos seis relógios, avaliados em 552 mil euros.