Volkswagen Polo chega à 6ª geração e será vendido no Brasil ainda este ano

A Volkswagen apresentou nesta sexta-feira (16), na Alemanha, a sexta geração do Polo, que será produzida e vendida no Brasil ainda neste ano, quase ao mesmo tempo que no mercado europeu.

Não pense que o modelo aposentará um “velho guerreiro”. Na linha de hatches da marca alemã no Brasil, o novo Polo ficará posicionado acima de Gol, Up e Fox, e abaixo do Golf.
O Polo deixou de ser vendido no mercado brasileiro em 2015 e volta renovado, construído sobre a plataforma MQB, que é a mesma da última geração do Golf e também do Audi A3 Sedan – ambos produzidos nas fábricas do grupo em São José dos Pinhais, no Paraná

Motores
A Volkswagen ainda não divulgou os detalhes da versão nacional, mas na Europa o novo Polo terá motorização bastante variada, desde um 1.0 MPI com apenas 65 cavalos, que não deve ser usado no Brasil, até o 2.0 TSI, de 200 cv, na versão GTI.
Pela primeira vez, o modelo poderá ser equipado na Europa com um motor 1.0 turbo a gás natural, que rende 90 cv. Outra estreia é o inédito propulsor 1.5 TSI Evo, de 150 cv, com desativação de cilindro quando toda a potência não é exigida.
No Brasil, os motores mais prováveis são 1.0 MPI (82 cv), 1.6 MSI (120 cv) e 1.0 TSI (125 cv). A versão GTI é outra dúvida para o mercado brasileiro.

Versões e preços
Na Europa, além das versões conhecidas Trendline, Comfortline e Highline, o hatchback já chega também na versão esportiva GTI, com motor 2.0 TSI de 200 cv. As rodas de 17 polegadas são de série, com opcional de 18 polegadas.

Uma versão especial com a assinatura da marca de fones de ouvido Beats virá com sistema de som de 300 W e rodas de 16 polegadas.
Na Alemanha, os preços começarão em € 12.975 (R$ 48 mil) para a básica Trendline, mas o valor não é parâmetro para a versão brasileira.
Por aqui, ele ficará numa faixa acima do Fox e abaixo do Golf. O Fox tem preços sugeridos de R$ 46.890 a R$ 64.490. Já o Golf fica entre R$ 78.130 e R$ 132.250.