Traficantes que mataram mulheres no Candeal desconfiaram que vítimas estavam passando informações para rivais

Investigadores da 6ª Delegacia Territorial (DT/Brotas) prenderam, na manhã desta quinta-feira (21), os traficantes Lucas Silva Barbosa e Rafael Bastos Nascimento, ambos de 19 anos, acusados de terem assassinado duas mulheres a pedradas e pauladas, no Candeal. A dupla foi detida quando caminhava por uma rua do bairro.

O crime ocorreu na madrugada de sexta-feira (15), algumas horas antes dos corpos de Vanessa Moraes da Conceição, 26, e de Rosemeire Maria de Jesus, idade ainda desconhecida, serem encontrados por volta das 8 horas, num terreno baldio, na Rua Monsenhor Antônio Rosa, também no Candeal.

Em depoimento à delegada Maria Dail Sá Barreto, titular da DT/ Brotas, os traficantes disseram que as mulheres foram mortas por que desconfiaram que elas estavam passando informações deles para traficantes rivais da região, que já tinham até um plano para emboscá-los. Vanessa residia no Candeal e Rosemeire, em Cosme de Farias.

A delegada disse também que eles informaram que as duas já tinham feito a mesma coisa com outro traficante da área, morto em circunstâncias muito parecidas com a que estavam armando para eles. A prisão da dupla foi possível graças a denúncias encaminhadas por moradores da região à delegacia, o que permitiu a localização dos homicidas.

Investigadores da DT/Brotas trabalham agora para saber se outras pessoas participaram do crime. Lucas e Rafael, depois de prestarem depoimento, serão encaminhados ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), para novos depoimentos. A polícia quer saber se eles têm participação em outros homicídios da região.

Últimas Noticias

Bruno Reis, Marcell e Leo garantem que obras do Hospital Público Veterinário começam esse ano

O vice-presidente estadual do PSDB e protetor dos animais, Marcel Moraes, esteve reunido com o prefeito Bruno Reis e...