Cientistas descobrem cor que atrapalha o sono

Uma equipe de cientistas da Universidade de Manchester, no Reino Unido, descobriu que existe uma cor que pode dificultar o descanso da maioria das pessoas. Mesmo que você durma oito horas por noite, a qualidade do sono piora se estiver exposto à cor azul emitida pelas telas de celulares, iPads ou computadores.

O estudo publicado na revista Sleep revelou que os voluntários expostos a diferentes níveis de azul e que depois foram medidos os níveis de melatonina, o hormônio responsável por regular o sono, apresentavam uma redução nos níveis.

Uma das apostas dos investigadores para contrair os efeitos negativos da exposição às telas consiste na criação de um visor melanópico, tecnologia que permite ao usuário ajustar os níveis de emissão de azul. Os cientistas acreditam que essa tecnologia pode ser adotada brevemente nos smartphones e computadores.

Por enquanto, e para melhorar o sono, recomenda-se que evite usar telas até 30 minutos antes de dormir e, durante o dia, ativar o modo ‘filtro de azul’ no seu celular. A função está disponível para iOS e Android e ajuda a diminuir um pouco a exposição ao azul.

Relacionados