Preso acusado de mandar matar ex-namorada em Vila Canária

Hugo Leonardo Gonçalves da Silva, de 31 anos, suspeito de ser o mandante da morte da ex-namorada, a professora Priscila Rebeca de Oliveira Souza, 37, apresentou-se, na tarde desta sexta-feira (8), no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), acompanhado de advogados.

Ele estava com um mandado de prisão temporária em aberto, cumprido pela delegada Ana Cristina Carvalho, titular da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), que investiga o crime. Priscila foi morta com um tiro na cabeça, dentro de casa, no bairro de Vila Canária.

Leonardo prestou depoimento na unidade policial e permanece à disposição da Justiça. As investigações prosseguem, para identificar e localizar o autor do disparo. Familiares e amigos da vítima também já foram ouvidos no DHPP.

Relacionados