PRB pediu intervenção de Temer para conquistar a vice de ACM Neto; prefeito segue para Brasília

Apesar dos rumores e das indicações de alguns aliados nada está definido em relação a escolha do vice de ACM Neto. O prefeito de Salvador viaja nesta quarta (27) para Brasília, onde vai encontrar o ministro-chefe Geddel Vieira Lima, presidente do PMDB-Ba e Marcos Pereira, presidente nacional do PRB. O objetivo é chegar a uma solução com os dois políticos e definir quem será o vice: João Roma ou Bruno Reis.

Em contato com o Informe Baiano, um funcionário do alto escalão da Prefeitura de Salvador, revelou que tudo caminha para o deputado estadual Bruno Reis ser o escolhido, apesar dos rumores que indicam João Roma e das pressões do PRB, que ameaça até romper com a atual gestão. “É fato que João Roma nunca fez campanha para ser vice e nunca trabalhou para ser vice. Saiu da chefia de gabinete e filiou-se ao PRB porque o prefeito pediu. Ele tentou ser cavalheiro o tempo todo e optou por não pressionar o prefeito. Se fizesse campanha como Bruno fez, certamente, teria mais chances”, afirmou.

Sobre Bruno Reis, o fato é que “o deputado é um articulador nato e trabalhou internamente pra viabilizar sua vice, inclusive, vários vereadores e partidos declararam apoio a ele. Além disso, conta com a força de Geddel e Lúcio que querem a vice de qualquer jeito. E todo mundo sabe que o prefeito não é um homem que aceita pressão, como era João Henrique. Neto não gosta desse jogo que o PRB está fazendo, chegando a pedir a intervenção até do presidente Temer”, revelou.

Ainda de acordo com a fonte, durante o lançamento da candidatura do prefeito Zé Ronaldo esta semana em Feira de Santana, Neto chamou Roma e Reis para uma conversa rápida, mas um dos candidatos a vice recusou. O fato aconteceu na saída do evento e diversos correligionários perceberam o clima tenso.

Já foi anunciado internamente que o candidato preterido vai coordenar a campanha de ACM Neto em Salvador junto com a mãe do prefeito, dona Rosário Magalhães e Silvio Pinheiro. O Informe Baiano tentou ouvir na manhã desta quarta João Roma e Bruno Reis, mas não obteve êxito.

Últimas Noticias