Carlos Ghosn é preso novamente em Tóquio

Os promotores de Tóquio, no Japão, determinaram ontem (3), pela quarta vez, a prisão do executivo franco- Carlos Ghosn, de 64 anos, ex- da Renault. O foi solto, no mês passado, sob fiança, após 108 dias de custódia. Nesta quarta-feira, Ghosn foi preso na casa dele.

De acordo com a emissora estatal , NHK, é raro no Japão que alguém libertado sob fiança seja preso novamente.

Os investigadores apuram informações sobre o desvio de US$ 34 milhões pagos a uma concessionária da Nissan em Omã, operada por um dos conhecidos de Ghosn, ao longo de sete anos.

Há informações que parte do dinheiro foi para comprar um iate de Ghosn. Segundo apurações, o dinheiro veio de um fundo de reserva da Nissan que o executivo foi autorizado a usar a seu critério.

Ghosn foi indiciado sob acusação de violação agravada de confiança e subnotificação de sua indenização. Ele nega essas acusações.

Will Smith teria permitido relacionamento da mulher com rapper

O ator Will Smith teria dado o aval para um relacionamento da mulher, Jada, com o rapper norte-americano August Alsina, 27 anos. O músico contou em entrevista...

Casagrande revela porque terminou relacionamento com Baby do Brasil

O ex-jogador e comentarista da TV Globo, Walter Casagrande, revelou em sua autobiografia Travessia a motivação do fim do relacionamento com a cantora Baby do Brasil,...

Lives de hoje: Pabllo Vittar, Cesar Menotti e Fabiano, Milton Nascimento e mais

Neste domingo (28/6), a programação de lives está para todos os gostos. Vai do erudito ao pagode, passando pelo sertanejo. Destaque para as homenagens ao centenário de...

Adriana Araújo deixa Record e revela atritos

Na últimas semana, a jornalista Adriana Araújo deixou a bancada do “Jornal da Record” e foi transferida para o “Repórter Record Investigação”, pegando os telespectadores da emissora...