Praças de Salvador começam a ganhar espaços de leitura

Foto: Valter Pontes

Cerca de um ano após ser entregue à população completamente requalificada, com equipamentos de jogos e lazer, a Praça Lord Cochrane, na Avenida Garibaldi, recebeu neste sábado (13) mais um atrativo. O prefeito ACM Neto deu início ao projeto Literatura na Praça, inaugurando um espaço que estimula o hábito da leitura aos moradores que residem nas comunidades do entorno.

O projeto é coordenado pela Fundação Gregório de Mattos (FGM), cujo presidente, Fernando Guerreiro, também compareceu ao evento de lançamento. A praça ganhou um contêiner plotado, ambientado com pufes, carpete e nichos, nos moldes de uma sala de leitura tradicional. A instalação tem um acervo de 380 livros de diversos gêneros, como infantil, juvenil, romance, contos, autoajuda.

“Tive a ideia de implantar este projeto nas praças para estimular a leitura entre o público de todas as idades. Dessa forma, além de ser um espaço de lazer e para a prática de esportes, a praça também oferece como opção o acesso à leitura de forma democrática, em um ambiente saudável e de convívio social. Há, inclusive, livros em braile”, afirmou ACM Neto.

É possível pegar gratuitamente qualquer exemplar durante todos os dias da semana. A área conta com agentes de leitura das 9h até 17h, de segunda a sexta, para auxiliar os leitores na busca e retirada do livro de interesse. Todos os sábados e domingos, sempre a partir das 16h, será promovida uma ação literária para a criançada, a exemplo de conto cantado, declamação de poesia e brincadeiras.

Cada obra que é retirada só poderá ser lida na praça. O projeto não contempla o empréstimo de livros, caso os moradores desejem levá-los para casa. O Literatura na Praça integra o programa Caminhos da Leitura, coordenado pela FG), e foi criado com objetivo de promover, além da ocupação do espaço público, maior acessibilidade à leitura e ao conhecimento. Até final do ano, mais nove praças municipais requalificadas pela Prefeitura serão contempladas.

De acordo com a Gerência de Bibliotecas e Promoção do Livro e Leitura, vinculada à FGM, a escolha de inaugurar o projeto na Lord Cochrane foi previamente estudada, visando atender às comunidades presentes na Federação, Garcia e Vasco da Gama, que não dispõem de bibliotecas físicas.

Ultimas Noticias

Ilê Aiyê inicia carnaval 2020 levando multidão à Laideira do Curuzu

Como sempre acontece no terceiro dia de folia, a tradicional saída do bloco Ilê Aiyê levou uma multidão à Ladeira do Curuzu, na Liberdade,...

Contas externas do Brasil registam défice de 10,8 mil milhões

As contas externas do Brasil registaram um défice de 11,8 mil milhões de dólares (10,8 mil milhões de euros) em janeiro, aumento de 31,3%...

Bailinho infantil nos bairros anima foliões mirins com muita fantasia e...

Além dos tradicionais blocos infantis que desfilam nos circuitos da folia, a criançada pode aproveitar festinhas bastante animadas, com o Bailinho de Carnaval. A...

ACM Neto diz que PM prometeu aumentar atuação no Circuito Dodô

Durante a entrevista coletiva de balanço do segundo dia de Carnaval, neste sábado (22), na Sala de Imprensa Oficial José Raimundo, o prefeito ACM...