Programa RenovaBio deve injetar R$ 9 bi no setor de bioenergia no país

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, assinou hoje (17) portaria que regulamenta o enquadramento de projetos prioritários no setor de petróleo, gás natural e biocombustíveis para emissão de debêntures incentivadas no setor de biocombustíveis.

“O RenovaBio, que entrará em pleno vigor em janeiro de 2020, apenas no setor de etanol estima-se investimentos na ordem de R$ 9 bilhões por ano, com a renovação de canaviais e mais R$ 4 bilhões com o aumento da produção de cana de açúcar”, adiantou o ministro durante abertura do Ethanol Summit, um dos principais eventos do mundo voltados para energias renováveis, no Centro Fecomércio de Eventos, realizado em São Paulo.

A portaria contribui para destravar investimentos em biocombustíveis, permitindo que empresas captem recursos com isenção de impostos para ampliar investimentos. A medida reforça metas do Renovabio, permitindo a expansão do número de usinas e o crescimento na oferta de Ethanol.

Pariticaram do evento os ministros Ricardo Salles, do Meio Ambienteo, Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, e Tereza Cristina, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Tereza Cristina, entre outros representantes do setor de bioenergia.

Durante seu discurso na abertura, o ministro-chefe da Casa Civil enalteceu o meio ambiente brasileiro. “A Amazônia é sim o pulmão da humanidade, mas ela é brasileira, a Amazônia é verde e amarela, não é internacional.”

Além de defender a Amazônia, Lorenzoni lembrou da importância do setor sucroenergético – cana-de-açúcar como fonte de energia elétrica. “Este é um setor que desde o início acreditou no país, e o que se conseguiu nos últimos anos, os números que tem, a tecnologia que desenvolveu, é a certeza de que juntos vamos fazer uma grande nação”.

Saída de Levy
Ao final do evento o ministro-chefe da Casa Civil comentou a saída do presidente do BNDES Joaquim Levy. “Houve uma incompatibilidade de gênios, não houve sintonia entre o que desejava o presidente e como trabalhava o doutor Levy. A gente respeita a decisão, e vida que segue”.

Segundo o ministro, tem alguns pontos que o presidente deseja ver esclarecidos. “Provavelmente o próximo presidente [do BNDES] vai abrir a caixa preta”.

Ultimas Noticias

Nova lei do FGTS é sancionada, e limite do saque sobe...

O presidente Jair Bolsonaro sancionou com vetos a Lei que institui a modalidade de saque aniversário no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço...

Na Cidade Nova, 141 casas serão reformadas pelas prefeitura

“A maior recompensa para o homem público é ver o seu trabalho transformar de verdade a vida das pessoas. É isso que fazemos todos...

Beber chá na gravidez: dos mais seguros aos desaconselhados

O consumo de chás durante a gravidez tem crescido, mesmo quando as suas ações terapêuticas são questionáveis do ponto de vista científico, podendo colocar...

Plenário da ALBa aprova ampliação do contrato REDA

Em sessão plenária que adentrou a madrugada desta quarta-feira (11), a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) aprovou o PL 23.644, de autoria do Poder...
Publicidade