Carla Vilhena desabafa e chama baile funk de “pornografia do mais baixo calão”

A jornalista Carla Vilhena acabou causando alvoroço nas redes sociais após publicar um vídeo no qual mostrava o barulho da música de um baile funk. A ex-apresentadora da Globo chegou a dizer que as canções eram um “Kamasutra sem sutileza e sem qualidade musical nenhuma”.

Na sequência, os internautas enfatizaram que independente do gosto de Carla, ela deveria respeitar qualquer tipo de “manifestação, seja ela cultural, política ou religiosa”. A jornalista retrucou dizendo que aquilo era um “inferno nos ouvidos”.

Depois, Carla continuou: “E quem tem que acordar cedo? Bem, pra que se preocupar com os trabalhadores, o bom mesmo é a tal ‘manifestação cultural’, que é como essa porcaria é chamada pelos pseudointelectuais”, disse.

A jornalista não se importou com as críticas e afirmou que o funk de cunho sexual dava espaço ao funk que remetia ao uso de drogas. “É só pornografia do mais baixo calão tocando em meio à comunidade de maioria honesta que tenta dormir e gostaria de salvar os filhos dessa nojeira”, publicou.

Ultimas Noticias

Colégio concede 15% de desconto para servidores estaduais

O Colégio Nossa Senhora da Luz, parceiro do Clube de Desconto, está com matrículas abertas para 2020. A instituição concede 15% de abatimento a...

Usuários do metrô são surpreendidos com presença do Papai Noel

Os usuários do metrô foram surpreendidos pela presença do Papai Noel na tarde desta segunda-feira (9). A ação faz parte do 'Vem pra Cá',...

Mundial de handebol: Seleção feminina termina na 17ª posição

A seleção brasileira feminina de handebol encerrou, nesta segunda (9), sua participação no Mundial da modalidade com uma vitória de 22 a 18 sobre...

Saúde sem Fronteiras chega à região de Itaberaba

Municípios de Ruy Barbosa e Utinga, região de Itaberaba, já estão atendendo às mulheres de 50 a 69 anos, dentro da estratégia Saúde sem...
Publicidade