Papa: os migrantes são o símbolo de todos os descartados da sociedade

“Os migrantes são hoje o símbolo de todos os descartados da sociedade globalizada”, disse o papa Francisco ao presidir ontem (08), na Basílica Vaticana, a celebração eucarística para recordar os seis anos de sua visita a Lampedusa.

A ilha ao sul da Itália foi a meta, exatamente em 8 de julho de 2013, da primeira viagem do Pontífice. Naquele ano, os desembarques de migrantes eram quase diários. Meses depois, em 3 de outubro, ocorreria a maior tragédia registrada nas imediações: num naufrágio de uma embarcação líbica, perderam a vida 368 pessoas.

“Não se trata apenas de migrantes, mas de pessoas humanas”, reforçou o papa em sua homilia na missa celebrada para um restrito grupo de pessoas, cerca de 250, convidadas pelo Dicastério para o Desenvolvimento Humano Integral.

Ultimas Noticias

Não vacinar uma criança é um ato de negligência, afirma ministro...

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, pediu neste sábado, 20, consciência à população brasileira sobre a importância da vacinação e afirmou que não...

Em Pau da Lima, vendedor é morto pelo PCC após marcar...

Um homem foi assassinado de forma covarde por traficantes de drogas no bairro de Pau da Lima, em Salvador, na manhã deste domingo (20/10)....

Quadrilha é presa com 17 celulares roubados em show de Gusttavo...

Doze pessoas foram presas e 17 celulares roubados foram apreendidos, durante o show 'Buteco do Gusttavo Lima', no Mineirão, em Belo Horizonte, na noite...

Ivete Sangalo e Iza irão se apresentar juntas no Prêmio Multishow

As mentoras Ivete Sangalo e Iza irão dividir o palco do Prêmio Multishow 2019 para uma apresentação juntas. A apresentação das duas gerou uma...
Publicidade