Banco do Brasil aumenta em 20% recursos do Plano Safra 2019/2020

O Banco do Brasil é o banco que mais faz empréstimos para a agricultura e pecuária no Plano Safra, representando quase 60% de todo crédito rural do setor financeiro. Para 2019/2020, o banco destinará R$ 103 bilhões, o que representa 20% a mais que na safra anterior. Lançado nesta segunda-feira (8), o Plano Safra BB 2019/2020 continuará atendendo a todos os produtores rurais: pequenos, médios e grandes. “Temos recursos em abundância para atender a todas as necessidades dos produtores, tanto de custeio, como para investimento”, afirmou o diretor de Agronegócio do Banco do Brasil, Marco Tulio Moraes da Costa.

Além dos recursos, há novas ferramentas, como a possibilidade de os produtores do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) renovarem o crédito pelo próprio celular sem precisar sair de casa. O crédito entrará na conta no primeiro dia útil após a solicitação.

Outro diferencial é o Mercado de Opções. Com ele, o banco irá disponibilizar opções para a proteção de preços das principais commodities agropecuárias. “É uma forma de diminuir o risco da produção. Estava muito vinculado a grandes produtores e agora estamos ampliando para pequenos e médios produtores de arroz, algodão, soja, milho, café e boi”, diz o diretor de Agronegócio. O objetivo é proporcionar maior previsibilidade e planejamento aos produtores na comercialização dos produtos.

Qualquer produtor rural, cooperativa ou empresa agroindustrial pode solicitar o Plano Safra pelo Banco do Brasil Ao todo, a instituição irá investir R$ 91,5 bilhões para o crédito rural e R$ 11,5 bilhões para o crédito agroindustrial. Na visão por segmento, o banco disponibilizará R$ 14,10 bilhões para a agricultura familiar e R$ 77,40 bilhões para os demais produtores.

O produtor e engenheiro agrônomo André Dobashi, há 12 anos, produz soja, milho e aveia. Ele conta que sempre precisou de capital. “Sempre utilizo alguma modalidade do Plano Safra desde a minha primeira safra. Este ano, a gente está bem empolgado com a novidade do seguro rural e também com a construção de armazéns, que é uma necessidade do Brasil inteiro e este ano está vindo com muito recurso”, comemorou.

No total, o Plano Safra 2019/2020 vai investir R$ 225,59 bilhões. A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, ressaltou a importância de o governo subvencionar parte dos juros de mercado para ter juros que caibam no bolso do produtor agropecuário. “O governo colocou R$ 10 bilhões de subvenção. O produtor, todo ano, precisa desse crédito com juros mais baratos para todos os produtos que fazem a riqueza do Brasil e correspondem a 25% do PIB nacional. Grande parte do que se coloca na mesa do brasileiro é feito pelos pequenos produtores, todos com recursos do Plano Safra”, explicou.

Ultimas Noticias

Quatro morrem em acidente em Camaçari

Um acidente com três veículos na via conhecida como Estrada da Cetrel, em Camaçari, região metropolitana de Salvador, deixou quatro mortos e sete feridos...

Prefeitura de Simões Filho entrega obras em Mapele

O distrito de Mapele, localizado na cidade de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), há mais de 20 anos aguardava por intervenções de...

Na Boca do Rio, revólver e R$ 2,3 mil em cocaína...

Guarnições das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico capturaram Anderson do Nascimento Lima, 21 anos, com revólver e 2,3 mil reais em pinos com cocaína. O...

Crise do petróleo abre oportunidades para o Brasil, diz ministro

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou que o ataque terrorista contra instalações petrolíferas na Arábia Saudita pode resultar em uma atração...
Publicidade