Garotinho volta a usar tornozeleira eletrônica

A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) acatou uma questão de ordem da defesa do ex-governador Anthony Garotinho e se declarou suspeita para julgamento. Com isso, as medidas restritivas impostas voltam a valer até novo julgamento. As informações são do G1.

Entre a medidas restritivas estão a utilização de tornozeleira eletrônica, a proibição de frequentar o município de Campos dos Goytacazes e o bloqueio de R$ 18 milhões. A desembargadora Maria Sandra Kayat havia suspendido as medidas restritivas no dia 3 de julho e a suspensão valeria até o julgamento na Câmara Criminal, realizado na terça-feira (9).

As medidas foram determinadas em junho após desdobramento da Operação Chequinho, que investigou um esquema de compra de votos na eleição de 2016 em Campos dos Goytacazes.

Ultimas Noticias

Remédio para cólica menstrual tem efeito para tratar esquistossomose

Um remédio amplamente utilizado para cólicas menstruais – o ácido mefenâmico (nome comercial Ponstan) – pode ser eficiente para o tratamento da esquistossomose. A...

Ação da PM no Bom Juá flagra jovem com réplica de...

Policiais militares da Operação Gêmeos prenderam um rapaz armado com uma réplica de pistola em um ponto de ônibus, situado na localidade da Jaqueira...

Mesmo na crise, cirurgia plástica aumenta 25,2%

Mesmo com a crise econômica, a quantidade de cirurgias plásticas com fins estéticos cresce no Brasil. Foi realizado no ano passado 1,7 milhão de...

Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 24 milhões

O Concurso nº 2.180 da Mega-Sena sorteia hoje (17) prêmio principal estimado em R$ 24 milhões para quem acertar as seis dezenas. Os números...
Publicidade