Mulher vende filhos gêmeos por R$ 51 mil para pagar dívidas e comprar celular

Um mulher vendeu os filhos gêmeos de apenas duas semanas de vida por 12.600 dólares, pouco mais de R$ 51 mil, para arcar com dívidas de cartão de crédito e comprar um novo celular. Os meninos foram entregues para outras famílias em setembro de 2018, mas caso apenas foi reveledado nesta semana pela polícia da província de Zhejiang, na China.

A mulher, indetificada apenas como Ma, disse à polícia que vendeu os bebês após o pai das crianças, identificado como Wu, se recusar a ajudá-la na criação das crianças. Além disso, ela disse que seus pais também não aceitaram a gravidez, por ter acontecido antes do casamento.

A mãe das crianças contou ainda que o ex-companheiro a procurou apenas quando soube que os bebês foram vendidos e pediu inclusive parte do dinheiro para pagar dívidas dele.

Cada criança foi vendida para um família diferente e após uma denúncia feita em julho, a polícia começou uma investigação para descobrir o paradeiro dos bebês. Os irmãos foram retirados de ambas as famílias e agora estão sob a guarda dos avós.

O pai e mãe das crianças foram detidos e podem ser condenado a uma pena de até 10 anos de prisão.

Ultimas Noticias

Sem aceitar fim do relacionamento, homem esfaqueia 3 pessoas em Cajazeiras

Um homem esfaqueou três pessoas na madrugada de sábado (21/09), na Rua São Paulo, que fica no bairro de Cajazeiras VI, em Salvador. As...
Cartela da mega sena

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 44 milhões

As seis dezenas do Concurso 2.190 da Mega-Sena, sorteadas ontem (21), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo, não teve vencedores. O prêmio para...

Reconhecido por assaltantes, policial é salvo pela esposa em Periperi; um...

Um policial militar lotado na 14ª Companhia Independente foi salvo pela esposa após ser reconhecido por assaltantes em uma tentativa de assalto dentro de...

Cântitos racistas contra brasileiro paralisam jogo no Campeonato Italiano

A partida entre Atalanta e Fiorentina, pela quarta rodada do Campeonato Italiano, foi paralisada neste domingo (22/09) em razão de cânticos racistas vindo de...
Publicidade