No Barradão, Bahia bate o Vitória e amplia liderança no estadual

Foto: Felipe Oliveira/Bahia

- publicidade -

Em pleno , o Bahia venceu o rival Vitória por 2 a 1, em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Baiano, neste domingo (01/03). Com o resultado, o Tricolor ampliou a liderança no estadual, chegando aos 14 pontos na competição.

A partida começou e logo aos quatro minutos o árbitro deixou de marcar um pênalti para o Tricolor. Gustavo recebe bola pela direita e é derrubado pelo goleiro adversário dentro da área. O juiz manda o jogo seguir.

Aos oito, após de escanteio, Ignácio cabeceou para fora com perigo.

No segundo , o técnico Dado Cavalcanti voltou com uma mudança na equipe. Saiu Edson e entrou Caio Mello.

Aos 16, Dado mexeu de novo. Foi a vez de Alesson sair para a entrada de Régis Tosatti.

Aos 22, saiu o gol Tricolor. Em de escanteio, o zagueiro Anderson pulou e cabeceou forte para o fundo da rede do rival.

Porém, aos 34, o Vitória empatou com Eron de cabeça.

Na última substituição no Esquadrão de Aço, Caíque entrou no lugar de Saldanha.

O triunfo veio aos 49, Arthur Rezende sofreu falta na entrada a área, que ele mesmo cobrou e decretou o placar.

Ficha técnica:
Vitória 1 x 2 Bahia

GOLS: Vitória: Eron. Bahia: Anderson , Arthur.

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Welisson, Carlos Eduardo, Nuno e Leonardo Leocovick; Gabriel Bispo, Romisson (Alexsander), Eduardo e Matheus Tenório (Rodrigo Carioca); Eron e Ruan Levine (Negueba). Técnico: Agnaldo Liz.

BAHIA: Fernando Castro; Lepu, Ignácio, Anderson e Mayk; Yuri, Edson (Caio Mello), Arthur e Alesson (Régis Tosatti); Gustavo e Saldanha (Caíque). Técnico: Dado Cavalcanti.

Cartões amarelos: Vitória: Nuno, Eduardo, Alexsander. Bahia: Edson, Arthur.

Mulher trans quebra barreiras e consegue faixa preta de Jiu-Jitsu

O Jiu-Jitsu, considerado uma das artes marciais mais eficientes, vem quebrando barreiras e mostrando que nos tempos atuais não há espaço para o preconceito e a discriminação....

Roberto Carlos lembra marca histórica e recorde da Juazeirense

Por meio das redes sociais, o presidente da Juazeirense Roberto Carlos, que também é deputado estadual, citou a derrota do seu time do coração para o Atlético...