Cotado para vice, Manassés diz que “desincompatibilização de Bruno Reis é o primeiro passo rumo à vitória”

Pré-candidato a prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), se desincompatibilizou do cargo de secretário de Infraestrutura e Obras Públicas de Salvador, na quinta-feira (04/06), conforme determina a legislação eleitoral.

“Se for dos desígnios de Deus e do povo de Salvador, este é o primeiro passo para a vitória nas eleições majoritárias deste ano”, diz o ex-deputado estadual Manassés.

‘Um dos grandes trunfos de Bruno Reis é ser o pré-candidato do melhor prefeito do Brasil, ACM Neto. Além, obviamente de seus méritos pessoais como gestor e ex-parlamentar”, frisou Manassés. De acordo com pesquisa DataPoder 360, ACM Neto (DEM) tem 79% de aprovação na capital da Bahia.  

Em pesquisa do Instituto Paraná divulgada no último dia 21, Bruno Reis tem 31% das intenções. O deputado Sargento Isidório (Avante) aparece em 2º lugar com 12,9%, seguido pela deputada Lídice da Mata (PSB), com 11%. 

Indicado pelos Republicanos 10 para vice-prefeito na chapa de Bruno Reis, Manassés teve 23.604 votos na capital baiana nas eleições proporcionais de 2018.

Óleo de coco no cabelo? Fique a par dos benefícios

Não, por vezes não precisa de um produto inacessível para tratar do seu cabelo. Devido à sua capacidade de hidratar, nutrir e prevenir a perda de proteína,...

Prodetur Bahia conclui formação da rede de empreendedores da Baía de Todos-os-Santos

Uma live na noite desta quarta-feira (5) marcou o encerramento do Projeto Rede de Turismo da Baía de Todos-os-Santos (RBTS), que reúne mais de 200 empreendedores da...

Cursos de música do TCA abrem inscrições gratuitas para novas turmas em maio

No mês de maio, o Teatro Castro Alves (TCA) dá a largada de um novo ciclo dos cursos de iniciação ao universo da música sinfônica. O maior...

Com auxílio emergencial, poupança volta a captar recursos em abril

Após três meses de retiradas líquidas, a aplicação financeira mais tradicional dos brasileiros voltou a captar recursos. Em março, os brasileiros depositaram R$ 3,84 bilhões a mais...