Caso Shana Lopes: irmã gêmea é suspeita de atentado contra filha de bicheiro

Uma megaoperação para esclarecer a tentativa de homicídio contra a empresária Shanna Harrouche Garcia, que é filha do bicheiro Valdomiro Paes Garcia, o Maninho, morto em 2004, foi deflagrada pela Polícia Civil e o Ministério Público, nesta terça-feira (16/06),

De acordo com o Uol, os agentes cumpriram mandado de busca e apreensão na casa de Tamara Harouche Garcia Lopes, irmã gêmea de Shanna. Tamara também é ex-mulher do empresário Bernardo Mello, outro alvo da investigação.

De acordo com a polícia, uma disputa familiar por uma fortuna avaliada em R$ 25 milhões deixada pelo bicheiro foi a motivação da tentativa de assassinato. Shanna foi baleada em outubro do ano passado no estacionamento de um condomínio residencial na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Ao todo, a polícia cumpriu 22 mandados de busca e apreensão em endereços ligados a 11 suspeitos. Todos são investigados no inquérito da DH Capital (Delegacia de Homicídios da Capital), que apura o atentado contra Shanna Arouche.

Óleo de coco no cabelo? Fique a par dos benefícios

Não, por vezes não precisa de um produto inacessível para tratar do seu cabelo. Devido à sua capacidade de hidratar, nutrir e prevenir a perda de proteína,...

Prodetur Bahia conclui formação da rede de empreendedores da Baía de Todos-os-Santos

Uma live na noite desta quarta-feira (5) marcou o encerramento do Projeto Rede de Turismo da Baía de Todos-os-Santos (RBTS), que reúne mais de 200 empreendedores da...

Cursos de música do TCA abrem inscrições gratuitas para novas turmas em maio

No mês de maio, o Teatro Castro Alves (TCA) dá a largada de um novo ciclo dos cursos de iniciação ao universo da música sinfônica. O maior...

Com auxílio emergencial, poupança volta a captar recursos em abril

Após três meses de retiradas líquidas, a aplicação financeira mais tradicional dos brasileiros voltou a captar recursos. Em março, os brasileiros depositaram R$ 3,84 bilhões a mais...