Maior Superlua em quase 70 anos vai iluminar o céu nesta segunda

Desde 1948, uma Lua Cheia não ficava a uma distância tão próxima da Terra. A Superlua ocorre quando a Lua Cheia coincide com o perigeu.

Nesta segunda-feira (14), o céu será iluminado pela maior Superlua desde 1948. O fenômeno ocorre quando o perigeu da Lua – ponto da órbita mais próximo da Terra – coincide com a Lua Cheia.

A Lua atinge o perigeu às 9h22 (horário de Brasília) e estará cheia às 11h52. Ao anoitecer, a Lua poderá ser vista em tamanho maior no mundo inteiro.

Em alguns países, como Austrália, a Superlua já pôde ser vista.

Segundo especialistas, uma Superlua costuma ser 14% maior e 30% mais luminosa do que a Lua Cheia em seu apogeu – ponto da órbita mais distante da Terra.

Segundo o astrônomo Cássio Barbosa, colunista do G1, a distância do perigeu desta segunda-feira será de 356.511 km, menor distância entre a Terra e uma Lua Cheia desde 26 de janeiro de 1948.

A próxima ocasião em que a Lua Cheia estará tão próxima será em 25 de novembro de 2034. Mas a Superlua do século, segundo Barbosa, ocorrerá em 2052, quando a distância do perigeu será de 356.424 km.

Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos...

Saúde investe meio milhão de reais em requalificações do Samu Salvador em 2021

O período de pandemia exigiu ainda mais dos esforços do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Salvador para obter resolutividade satisfatória nos atendimentos de rotina e...

Receitas juninas: confira opções imperdíveis para fazer em casa

Pelo segundo ano, as festas juninas foram canceladas por causa da pandemia, mas não quer dizer que as comidas típicas não podem ser preparadas. Por isso, a...

Especialistas recomendam vacinas contra doenças mais comuns no inverno

O efeito do clima frio e seco nas mucosas do sistema respiratório e a convivência em ambientes mais fechados estão entre as razões que fazem do inverno...