Luto na Band: morre a advogada Fátima Rebouças

A advogada e diretora adjunta da Band Bahia, Fatima Rebouças, morreu na noite de quinta-feira (25/06). Ela estava internado em um hospital particular de Salvador e passou recentemente por duas cirurgias. A causa da morte não foi divulgada.

Em contato com o Informe Baiano, um amigo de Dona Fátima, como era chamada pelos colegas, lamentou o passamento ao lembrar que “era bastante querida e respeitada na emissora, sempre solidária com todos”. O enterro será hoje à tarde com a presença apenas dos familiares, devido as regras determinadas pela Prefeitura de Salvador por conta do coronavírus.

Nota da Band Bahia

O Grupo Bandeirantes de Comunicação informa, com profundo pesar, a morte da advogada e diretora jurídica da Band Bahia, Maria de Fátima Rebouças, ao tempo em que se solidariza com parentes, amigos e colegas enlutados.

Fátima Rebouças tinha 65 anos e morreu na madrugada desta sexta-feira (26), por complicações depois de uma cirurgia.

Ela também presidia o Sindicato das Empresas de Radiodifusão e TV do Estado da Bahia (SERTEB).

Fátima era filha de Renato Rebouças, que fundou a Band Bahia em 1981, e deixa um filho, esposo, 4 irmãs e 4 enteados.

Querida por todos na Band e com relevantes serviços prestados ao Grupo Bandeirantes, Fátima Rebouças deixa um legado de profissionalismo e cordialidade no trato com os colegas e além de muitas saudades.

O corpo será cremado nesta sexta-feira (26) às 15h, no cemitério Jardim da Saudade, em uma cerimônia reservada à família.

Últimas Noticias

Brasil registra 23,7 milhões de casos de covid-19

Desde o início da pandemia, 23.751.782 milhões de pessoas foram contaminadas pelo novo coronavírus no Brasil. Em 24 horas,...