Cameratas da Osba divulga programação para julho

O projeto de extensão “Cameratas da OSBA”, da Orquestra Sinfônica da Bahia, formado pelos grupos Opus Lumen, Quadro Solar, Quarteto Novo e Bahia cordas segue em seu terceiro mês levando música para instituições e centros culturais de Salvador de forma virtual, se adaptando ao momento de pandemia e isolamento social no qual vivemos. No dia 13 de julho será lançado o “Cartografia Afetiva”, vídeo-relato da Bahia Cordas relembrando apresentação realizada no Núcleo de Apoio ao Combate do Câncer Infantil (NACCI). Já no dia 15, acontece a primeira exibição do “Café com as Cameratas #Drops”, com vídeo da Quarteto Novo interpretando a música “Odeon”, de Ernesto Nazareth. Os vídeos serão exibidos em dias subsequentes em cinco perfis de Instagram entre 13 e 18 de julho: OSBA (@orquestrasinfonicadabahia), Teatro Castro Alves (@teatrocastroalvesoficial), Núcleo de Apoio ao Combate do Câncer Infantil ( @naccioficial ), Museu Carlos Costa Pinto (@museucostapinto) e Associação Atlética da Bahia ( @aatleticadabahia).

Apresentações inesquecíveis

As Cameratas da Osba realizam anualmente cerca de 200 apresentações gratuitas em escolas, hospitais, projetos sociais e centros culturais de Salvador e região metropolitana. O público atendido pelo projeto é amplo e as memórias destas apresentações são muitas. O “Cartografia Afetiva” tem como objetivo recordar estes momentos em que a música se torna instrumento de promoção da cidadania. Em julho, a Bahia Cordas juntamente com funcionários do NACCI relembram apresentação realizada na instituição que há 25 anos apoia e protege adolescentes com câncer. “Cada vez que tocávamos lá era uma emoção nova para gente e para as crianças, que ficavam com o coração cheio de alegria e esperança”, diz o violoncelista da Bahia Cordas e da Osba, Maurício Kowalski. “Espero que assim que possível esta parceria continue”, conclui o músico.

Todos estes conteúdos do período de quarentena estão sendo desenvolvidos remotamente, sem necessidade de encontros e deslocamentos, tendo em vista que o corpo de músicos e o corpo administrativo da Osba estão seguindo o isolamento social indicado pelas autoridades.

A Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), criada em 30 de setembro de 1982, é um corpo artístico do Teatro Castro Alves e que teve seu processo de publicização consolidado em abril de 2017. Desde então, a Associação Amigos do Teatro Castro Alves (ATCA) – entidade sem fins lucrativos qualificada com Organização Social (OS) – realiza a gestão da Osba, que permanece como corpo artístico público, sendo mantida com recursos diretos do Governo do Estado da Bahia, através da sua Secretaria de Cultura (SecultBA).

Brasil chega a 15,19 milhões de casos e 422,3 mil mortes por covid-19

O Brasil registra, até o momento, 422.340 mortes por covid-19. Em 24 horas, foram confirmados 1.024 óbitos e 38.911 novos casos. No total, 15.184.790 casos foram diagnosticados...

Motorista flagrado com 1500 munições de fuzil

Uma carga com 1500 munições de fuzil AK e uma pistola Glock 9mm com dois carregadores foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na tarde deste domingo(09/05),...

Governo baiano prorroga toque de recolher até 17 de maio

O Governo do Estado decidiu prorrogar a restrição da locomoção noturna de pessoas das 21h às 5h, em toda a Bahia, até o dia 17 de maio....

Festa de aniversário termina com 7 mortos

Sete pessoas morreram, neste domingo (09/05), durante um tiroteio em uma festa de aniversário, onde família e amigos se juntaram, em Colorado Springs, nos EUA. A polícia...