Soldado Prisco repudia ataque racista de suposta escrivã do TJBA contra PM: “Deveria estar presa”, disparou

Coordenador geral da Associação dos Policiais, Bombeiros Militares e seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), deputado estadual soldado Prisco, repudia o episódio de ataque racista de uma suposta servidora do TJBA contra um soldado da Polícia Militar, lotado na 50ª Companhia Independente.

“Inaceitável que ainda nos dias de hoje tenhamos que conviver com este tipo de ataque, mesmo após tantas leis que visam corrigir a prática. Deveria ficar presa por um tempo para aprender”, afirmou o parlamentar.

A imagem foi flagrado por um morador e viralizou nas redes sociais. Nas cenas divulgadas pelo Informe Baiano, a mulher é detida suspeita de bater na companheira. Ao ser dado voz de prisão, ela agride o militar com um tapa no rosto e o chama de “macaco”. Assista abaixo:

Policial é chamado de “macaco” por escrivã do TJ no Vale dos Lagos; vídeo

PRF flagra barco de luxo sendo transportado de forma irregular na BR 116 em Milagres

Na manhã desta sexta-feira (30), policiais rodoviários federais flagraram uma lancha sendo transportado de forma irregular na BR 116, trecho do município baiano de Milagres. Durante operação de...

Paulista que integrava PCC é morto pelo CV em presídio na Bahia

Apontado como integrante da facção Primeiro Comando da Capital (PCC), o paulista Renato Oliveira foi executado nesta sexta-feira (29/10), no presídio de segurança máxima de Serrinha, onde...

Operação em Itacaré troca tiros com traficantes; arma e drogas apreendidas

Revólver e porções de drogas foram apreendidos por guarnições da Cipe Cacaueira e da 72a CIPM. O flagrante ocorreu, na noite de quinta-feira (29/10), no município de...

Grupo com 9 bandidos ataca PM e um é morto em Lauro de Freitas

A 52ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Lauro de Freitas) apreendeu, na noite de quinta-feira (29), pistola e entorpecentes. Os materiais estavam com um adolescente e um adulto. Guarnições...