Orçamento estadual e Fundo Garantidor da Ponte Salvador-Itaparica serão votados na segunda

A Assembleia Legislativa da Bahia vota nesta segunda, a partir das 11h, o do projeto que cria o Fundo Garantidor do Aporte da Ponte Salvador-Itaparica e o primeiro turno do orçamento estadual para o ano em curso. Uma inversão de pauta foi acordada na sessão de ontem (08.01), pelas lideranças do governo e da oposição, embora os integrantes do bloco da minoria não concordassem com a apreciação imediata das duas matérias.

Divergências de fundo entre os dois blocos acerca de outro projeto que cria o Código de Ética e Disciplina dos Militares (CEDM) impediram um acordo maior. O líder da situação, deputado Rosemberg Pinto trabalhou para votar pelo menos a matéria que cria o Fundo Garantidor da Ponte, mas problemas apontados pelos deputados Soldado Prisco (PSC) e Capitão Alden (PSL), representantes das corporações de segurança pública, levaram o líder da minoria, deputado Sandro Régis, a concordar apenas com a inversão da pauta – que tinha como primeiro tópico o orçamento 2021.

NEGOCIAÇÃO

Com o impasse instalado com relação ao código de ética da PM, o líder Rosemberg Pinto articulou uma reunião para a próxima segunda-feira pela manhã com as presenças – ainda que de forma virtual – do secretário estadual de Relações Institucionais, Jonival Lucas, os parlamentares ligados à Polícia Militar e representantes de associações dos policiais e outros parlamentares oposicionistas na busca de um texto para o código que unifique as duas visões.

De acordo com o deputado Soldado Prisco, o Poder Executivo ignorou o projeto elaborado por um grupo de trabalho, que foi criado com essa finalidade, e apresentou uma nova proposta sem qualquer discussão com as representações dos policiais militares: “O código é resultado de um debate democrático, construído por diferentes contribuições, com aval deste mesmo governo e que ainda não foi discutido com a tropa, nem com a sociedade baiana igualmente interessada”, explicou o Prisco.

O deputado Rosemberg Pinto observou que dialogar com sindicatos ou associações do funcionalismo é uma prática corriqueira na administração da Bahia, certo de que a negociação pode facilitar a construção de um texto equilibrado para um documento tão importante quanto o código de ética da PM. Quanto ao Fundo Garantidor da Ponte Salvador-Itaparica de acordo com o projeto 2.405 , o governo estadual injetará R$ 750 milhões em três anos, divididos em parcelas anuais de R$ 250 milhões. A gestão da conta ficará aos cuidados da Desenbahia.

Também na segunda, a ALBA apreciará projetos de decreto legislativo solicitando reconhecimento do “estado de calamidade pública” da Bahia, de Salvador e outros municípios afetados pela pandemia do novo coronavírus, junto com o primeiro turno da proposta orçamentária anual. A Assembleia Legislativa só pode entrar em recesso após a aprovação do orçamento em dois turnos.

Olavo de Carvalho é hospitalizado nos EUA por problemas respiratórios

Nesta terça-feira (13), o escritor Olavo de Carvalho foi internado às pressas em um hospital de Richmond, no estado de Virginia, nos Estados Unidos, com problemas respiratórios. A...

Câmara aprova projeto que prorroga entrega do IR até 31 de julho

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) a prorrogação, até 31 de julho de 2021, do prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda da...

Três consequências do beijo para a saúde oral

Beijoqueiros, este artigo é para vocês. Hoje celebra-se o Dia do Beijo e, antes que se apressem nas comemorações, a Impress apresenta três consequências, boas e más,...

Funcionários da LG entram em greve por manutenção de empregos

Os trabalhadores da fábrica da LG em Taubaté, no interior paulista, entraram em greve para que a empresa mantenha 430 postos de trabalho. Na semana passada, a LG...