Usar óculos é uma questão de saúde e é descabível as óticas fechadas, dispara Sandro Bahiense

Reconhecidas como atividade essencial de saúde em todo o País desde o início da pandemia da covid-19, as óticas estão fechadas em Salvador devidos as medidas mais restritivas.

Nesta quarta-feira (24/03), o vereador Sandro Bahiense (Patriota) se pronunciou sobre o caso. “Os óculos da pessoa quebraram e aí, faz como? Fica sem os óculos? Fica sem enxergar? Fica com dor de cabeça e com crise de ansiedade? Pois é isso que acontece com quem depende dos óculos. Usar óculos é uma questão de saúde e é descabível as óticas fechadas. Se o consultório oftalmológico está aberto para receitar os pacientes como é que eles vão comprar?”, questionou o edil.

O líder do Patriota na Câmara Municipal afirmou também que vai “buscar todas as ferramentas possíveis” para a reabertura da óticas.

“As oficinas de carros e as lojas de materiais de construção são de extrema importância, mas não fazem parte da área de saúde e mesmo assim estão abertas. São quase 1.300 estabelecimentos em Salvador e milhares de pessoas que, inclusive nesse momento, precisam trocar urgentemente os óculos. Então, com isso, também estão prejudicando e causando dados à saúde de muitas pessoas. Uma ótica não tem aglomeração”, concluiu o Sandro Bahiense.

Últimas Noticias

Prefeito anuncia que Salvador não terá Festival da Virada esse ano

A capital baiana não terá o Festival Virada Salvador, festejo público de Réveillon promovido pela Prefeitura, neste ano de...