Candeias: Vereadores quase saem na mão por conta de dinheiro e cidade fica sem sessão

Os tempos estão difíceis na Câmara Municipal de Candeias, que logo após a posse do atual presidente da Casa, Silvio Correia (PV) passou a enfrentar dias delicados na composição de comissões, na contratação de servidores e agora com vereadores quase chegando às vias de fatos por gratificação no salário dos cargos de confiança.

Nesta terça feira (21/04), o dia em que os vereadores deveriam discutir os problemas da cidade que não são poucos, uma reunião na sala vip da casa legislativa quase virou um ringue de MMA, quando ao ser cobrado por acordos não cumpridos pelo vereador Ivam do Prateado (Avante), o presidente Silvio perdeu as estribeiras. Os dois quase se agrediram se não fosse a turma do deixa disso, muito lixo sairia de debaixo do tapete.

Pela primeira vez na história, os cargos de confiança não receberam o salário que era pago religiosamente todo dia 20, por conta do desentendimento sobre as verbas. “Não há clima, se pagar a gratificação de um e não pagar de outro a coisa vai ficar ruim na próxima sessão” disse um assessor que prefere não se identificar. Cerca de 225 assessores (quase todos nomeados em gabinetes da Presidência) estão indignados e apenas os efetivos e os vereadores que ganham R$ 10 mil por mês receberam.

A Câmara recebe cerca de R$ 1,6 milhão por mês de duodécimo. Além do salário, o vereador tem direito a nomear 13 assessores num total de R$ 30 mil por mês, ou R$ 360 mil por ano.

Pai e filho compravam e recebiam materiais na Câmara

Logo após, o Informe Baiano denunciar que um pai e o filho eram responsáveis pela compra e recebimento de materiais na Câmara (veja aqui), um grupo de vereadores passaram a questionar o presidente por conta de supostos favorecimentos a seus assessores que passaram a ganhar o máximo de gratificação, em detrimento dos outros 16 edis. Após a denuncia, o presidente da Casa exonerou o pai do diretor da Câmara de Vereadores (veja aqui) e presidente de seu partido, Tony Gleydson que recebe 100% de gratificação sendo R$ 2.258,06 com mais 2.258,06, que tem gerado a insatisfação dos outros vereadores.

A denuncia que caiu como uma bomba na Câmara parece ser apenas um fio da meada em um sistema de repasses de recursos a aliados. Um assessor de um vereador que estava presente na sessão, afirmou que nas agressões verbais, um dos vereadores alegou que o presidente tinha que repassar e dividir o bolo em fatias iguais.

Agressões recorrentes

O atual presidente da Câmara de Candeias, o vereador Silvio Correia já foi flagrado em outros momentos de supostas agressões e ameaças. Em reportagem publicada no site Bahia Noticia (veja aqui) em 11 de Junho de 2019 e Madre Sem Média (veja aqui), o então vereador desferiu um soco na cara do então procurador Marcelo Ferraz que prestou queixa contra o edil, fato registrado na 20ª Delegacia.

Em outro ato de extrema agressão, o vereador da cidade de Candeias, teria segundo o site Aratu On atirado contra o funcionário de uma barreira sanitária na cidade vizinha de Madre de Deus (veja aqui). “Ele me deu uma ‘coronhada’ e eu devolvi um murro. Só que eu sai correndo e minha coordenadora foi e me empurrou. Nisso, ele me deu um tiro”, disse Everton Souza, 22 anos..

Sem temas importantes

A Câmara de Candeias tem deixado de discutir temas importantes nos últimos dias por conta da briga dos parlamentares. Na pauta da casa estão travados, por exemplo, isenção de impostos para comerciantes afetados pela pandemia que ainda não tiveram o apoio da prefeitura. Nesta terça representantes do transporte alternativo da cidade, que buscam ajuda nesse momento difícil não puderam ser ouvidos pelos seus representantes.

Salvador: Prefeitura antecipa aplicação da 2ª dose Oxford das pessoas habilitadas para domingo (09)

As pessoas cuja data da segunda dose da Oxford está com o prazo sinalizado/agendado para o dia 09 de maio poderão ter acesso ao imunizante de forma...

Polícia resgata idosa mantida em cárcere privado em Ipirá

Policiais da Delegacia Territorial (DT) de Ipirá foram acionados por uma assistente social do município para resgatar uma senhora, de 90 anos, que estava sendo...

Segunda etapa da requalificação da Sabino Silva é iniciada

A Rua Professor Sabino Silva, uma das vias de acesso à orla de Salvador no trecho Barra/Ondina, será beneficiada com o início da segunda etapa das obras...

ONU pede investigação imparcial sobre operação no Jacarezinho

O Alto Comissariado da Organização das Nações Unidas (ONU) para Direitos Humanos, com sede em Genebra, na Suíça, pediu hoje (7) ao Ministério Público que realize uma...