De Irecê para Ilhéus: taxista flagrado transportando armas e munições

Um taxista, de 43 anos, foi preso em flagrante, na noite de quarta-feira (28/05), por policiais da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), sediada em Ilhéus. O homem estava transportando armas e munições de Irecê para aquela cidade.

Uma pistola ponto 50, carregada, além de mais de 200 munições de diferentes calibres foram apreendidas, na ação policial. De acordo com o coordenador da 7ª Coorpin/Ilhéus, delegado Evy Paternostro, o homem entregaria o material aos integrantes de uma organização criminosa, naquele município. “Com essa prisão conseguimos interromper o fluxo de abastecimento de armamento nessas quadrilhas”, afirmou Paternostro.

Após ser autuado em flagrante, o suspeito permanece custodiado na unidade da Polícia Civil, onde aguarda ser transferido para o sistema prisional. Conforme apurado, o taxista já tinha uma condenação por furto qualificado. “Ele foi preso em São Paulo por subtrair malas e objetos de passageiros de um vôo”, informou o delegado.

O resultado da apreensão será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), onde vai passar por perícia. “Com esse material fora de circulação, contribuímos para a diminuição dos crimes letais praticados por esses grupos”, concluiu o coordenador.