Juliana Paes critica “polarização doentia” da política: “ódio reverbera mais”

A atriz Juliana Paes, 42 anos, fez um desabafo no Instagram após ser criticada por não concordar com o posicionamento de alguns senadores contra a médica Nise Yamagushi, que participou da CPI da Covid. Segundo Paes, uma “cara colega” da dramaturgia lhe “agrediu” com palavras. Vazou nas redes sociais que a colega seria Samantha Schmütz, 42, com quem a atriz contracenou em 2015, na novela “Totalmente Demais”.

Paes afirmou “ter sido acusada de ser covarde, desonesta e criminosa”. No vídeo publicado na última quarta-feira (02/06), ela afirma que discorda da opinião da “colega”, que disse que ela não se posiciona. O vídeo já teve quase 900 mil curtidas e mais de 250 mil comentários. Diversas celebridades e políticos parabenizaram o posicionamento de Paes.

“Cara colega, apesar de ter sido agredida por suas palavras caluniosas, eu me dispus a te responder. Já falei publicamente sobre querer vacinas, mas eu não vou fazer isso todos os dias. Fui a primeira a pedir que as pessoas ficassem em casa quando você ainda nem estava tão preocupada, mas não me sinto no direito de pedir para as pessoas ficarem sem trabalhar”, opinou.

A global negou que seja eleitora do presidente Jair Bolsonaro, como Schmütz teria insinuado.

“Eu não sou ‘bolsominion’ como o pessoal adora falar. Tenho críticas severas a esse que nos governa. Por outro lado não quero que governe o Brasil essa oposição que se insinua para o futuro. Então estou num ambiente onde não me sinto representada por ninguém”, justificou. Disse ainda que não aprova “os ideais arrogantes de extrema direita nem os delírios comunistas da extrema esquerda”. “Quero respeito, acolhimento a todas as causas minoritárias. Mas quero que isso aconteça independentemente de ideologia política”, acrescentou.

Paes também criticou a “polarização doentia” entre integrantes dos chamados lulopetismo e bolsonarismo.

“Eu não admito ser colocada em nenhum desses dois polos. Não quero contribuir para essa polarização doentia. Não nesse momento obscuro onde o ódio reverbera mais. Ou você é isso ou é aquilo. Isso não existe. Somos múltiplos”, concluiu. Assista abaixo o vídeo:

Mais de 3,9 mil empregos serão promovidos no interior da Bahia

Investimentos previstos em mais de R$ 3,7 bilhões serão aplicados nas implantações de seis unidades industriais em cinco municípios baianos. Juntas, as empresas devem gerar mais de...

Pelo segundo ano consecutivo, HGE tem o maior número de cirurgias bucomaxilofacial do país

Com um total de 597 procedimentos realizados em 2020, o Serviço de Cirurgia Bucomaxilofacial do Hospital Geral do Estado (HGE) alcançou, pelo segundo ano consecutivo, o primeiro...

Indústria baiana gera 18,2 mil empregos no primeiro quadrimestre de 2021

De janeiro a abril desse ano o setor industrial da Bahia gerou 18,2 mil empregos. Somente no mês de abril, o saldo positivo foi de 1,6 mil...

DT de Porto Seguro prende dois por roubo em residência

Equipes da 1ª Delegacia Territorial (DT) de Porto Seguro cumpriram, na última quarta-feira (23), mandado de prisão preventiva contra um homem de 26 anos, suspeito de ser...