Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos de qualquer natureza, inclusive feiras, quadrilhas e shows em razão da pandemia do coronavírus. Além disso, os Municípios devem cancelar qualquer evento presencial público que se destine às tradicionais comemorações juninas e gere aglomerações, independente do número de participantes, com ou sem comercialização de ingressos.

‘A ocorrência de eventos presenciais enquanto perdurar a pandemia do coronavírus é desaconselhada pelas autoridades sanitárias, diante do alto risco de transmissão do coronavírus’, destacou a promotora de Justiça. No documento, o MP recomendou ainda que os Municípios revoguem quaisquer autorizações e alvarás sanitários eventualmente expedidos para a realização de festejos juninos privados que importem em aglomeração de pessoas, a exemplo de festas e quadrilhas.

Mutirão da 1ª Dose contempla pessoas com 32 anos ou mais neste domingo (1º)

A Prefeitura realiza, neste domingo (1º), o Mutirão da 1ª Dose contra a Covid-19. A estratégia acontecerá exclusivamente no turno da manhã, das 8h às 12h, e...

“Piratas da Barra”: adolescentes apreendidos no mar após assalto; vídeo

Dois adolescentes foram apreendidos pela 11a Companhia Independente da PM (CIPM), na praia do Porto da Barra, poucos momentos depois de assaltarem duas pessoas, na Avenida Sete...

Série B: Botafogo e Vasco disputam clássico carioca

Botafogo e Vasco jogam, neste sábado (31), às 21h (horário de Brasília), no Estádio Nilton Santos, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A Rádio...

Sudesb lança edital de R$500 mil para apoio a eventos de capoeira

Comemorado em 3 de agosto, o Dia Nacional do Capoeirista tem homenagem antecipada pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia, autarquia vinculada à Secretaria do Trabalho,...