Bispo irmão de Valdemiro Santiago que vendia feijão para curar Covid-19 não resiste ao vírus

O bispo Vanderley Santiago, irmão do apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, morreu de Covid-19 na última segunda-feira (28/06), em São Carlos, no interior de São Paulo.

O homem procurou atendimento médico e, inicialmente,  foi atendido no Centro de Triagem do Ginásio Milton Olaio Filho, local conhecido como “covidário”. Depois, foi transferido para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Santa Felícia, onde sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

Vanderley chegou a tomar a primeira dose da vacina contra a covid-19 em 16 de junho. O corpo dele foi enterrado na terça-feira, no Cemitério Nossa Senhora do Carmo.

O líder da congregação que Vanderlei fazia parte, Valdemiro Santiago, chegou a anunciar a venda de sementes de feijão para curar a Covid-19. O “remédio milagroso” era vendido aos fiéis ao custo de 100 a mil reais.

A ação do apóstolo entrou na mira do Ministério Público Federal (MPF) que investiga indícios de estelionato por parte do bispo. Na ação, o MPF destaca que os feijões não curam e são ‘propaganda enganosa’.

Últimas Noticias