Nego do Borel é indiciado por agressão contra ex-namorada

O cantor Nego do Borel foi indiciado pela Polícia Civil por crime de lesão corporal no âmbito da violência doméstica contra a ex-namorada Swellen Sauer, assessora de imprensa dele em 2013, quando ele estava iniciando a carreira.

Em nota, a Polícia Civil afirmou que o cantor foi indiciado pelo crime de lesão corporal na forma da Lei Maria da Penha. A investigação foi concluída nesta terça-feira, 20, e foi comandada pela delegada Giselle do Espírito Santo, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jacarepaguá, Rio de Janeiro.

As investigações mostraram que Swellen sofreu várias violências do artista e apresentou comportamento similar ao denunciado pela também ex do cantor, a atriz Duda Reis, em janeiro deste ano.

As denúncias de Swellen foram feitas após a atriz ter usado as redes sociais para expor Nego do Borel. Segundo ela, o cantor chegou a lhe deferir um soco dado em sua costela numa boate e tentou enforcá-la com um carregador de celular quando namoravam.

A defesa de Nego do Borel afirmou que só irá se manifestar quando acessar o inquérito.

Últimas Noticias

Parceria Público-Privada de Imagem alcança 2 milhões de exames realizados

Com uma suspeita de fratura no joelho causada por um acidente de moto, Cristiane Santos Cerqueira, de 32 anos,...