Psicóloga de 64 anos morta a facadas dentro de motel

Uma psicóloga de 64 anos foi assassinada na última sexta-feira (03/09) na cidade de Pedro Juan Caballero, que fica no Paraguai e faz fronteiro com o Brasil. Juana Elva Rojas de Cáceres recebeu várias facadas.

As investigações iniciais tratam o crime como feminicídio. Juana foi atingida no tórax, peito, costas e rosto. Além disso, a vítima sofreu cortes nas mãos, o que pode ter sido causado por luta corporal com o assassino.

Um homem saiu do motel e pagou sua parte na conta, alegando que voltaria no dia seguinte para acertar o restante da conta. Ao verificar que a mulher não respondia no quarto, o gerente do local abriu o quarto e constatou a vítima perto da cama e cercada por uma poça de sangue.

Últimas Noticias