Pós-feriado, Salvador por Todos retoma entrega de mais de 4 mil cestas a taxistas, motoristas de aplicativos e mototaxistas

Pós-feriadão, a Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), em parceria com a Secretaria de Mobilidade de Salvador (Semob), entregará mais de quatro mil cestas básicas (4.382), Trata-se de uma espécie de força-tarefa a partir desta quarta-feira (8) até a sexta-feira (10), das 9h às 16h, na sede da Semop, localizada, na Rua Visconde de Itaborahy, 99, bairro de Amaralina. Somente para essas categorias são 5.182 itens não perecíveis e apenas 800 foram entregues. A soma total até o momento, que inclui ainda catadores, trabalhadores de eventos, guardadores de carros, baleiros e ambulantes, ultrapassa a marca de 15 mil cestas entregues.

“Esse número alto de beneficiários só pôde se concretizar com a mudança na lei 9.588/2021, levando em conta a crise econômica no país, a pandemia, a crise que a gestão atravessa, com esforço muito grande da prefeitura e sensibilidade para não deixar os soteropolitanos passarem ainda mais dificuldade com suas famílias”, explicou o titular da Sempre, Kiki Bispo.

Em relação aos taxistas, motoristas de aplicativos e mototaxistas, o coordenador de Táxis e Transportes Especiais da Semob, Clemilton Almeida, destaca que é importante frisar que existe um decreto diferenciado.

“É preciso deixar claro que os beneficiários cadastrados com direito a recebimento da cesta, entre permissionários, são acima de 60 anos, bem como táxi comum, motoristas de aplicativos e mototaxistas. Eles fazem parte dos cadastros encaminhados com essa denominação , desde o começo em março/2020”, explicou.

Enquanto isso, a entrega continua na Guarda Municipal Civil de Salvador, também nos mesmos dias e horários, para as categorias de ambulantes – em que o total de quase sete mil cestas foi disponibilizado – , guardadores da zona azul e recicladores, que ainda não foram buscar seus benefícios. Com isso, dos 3.600 ítens não perecíveis restantes existem um total de 2.379 ainda à espera dos seus donos.

A ação está sendo realizada de forma gradual, seguindo todos os protocolos sanitários de enfrentamento à Covid-19. Quem quiser saber se tem direito ao benefício, basta clicar no site: www.salvadorportodos.salvador.ba.gov.br e verificar se ainda tem direito ao auxílio de R$270. Não tendo e tendo a idade acima de 42 anos possui direito a cesta básica. As secretarias, responsáveis, por cada categoria, como Semop por ambulante, taxistas, motoristas de aplicativos e mototaxistas, por exemplo, pode informar.

Legislação – A nova lei 9.588/2021, aprovada pela Câmara de Vereadores em julho deste ano, determina a entrega dos alimentos para pessoas em situação de rua, ambulantes, barraqueiros, donos de quiosques, baianas de acarajé, feirantes, baleiros, guardadores de carro, recicladores, mototaxistas, taxistas e motoristas de aplicativo, e outros beneficiários do auxílio, acima de 42 anos. Já o valor de R$270 é pago para os trabalhadores informais e pessoas em situação de vulnerabilidade com idade inferior a 42 anos.

Últimas Noticias