Kannário critica aglomerações em protestos e cobra retorno de eventos na Bahia

O deputado federal Igor Kannário (Democratas) criticou nesta quarta-feira (8) as aglomerações que ocorreram ontem em Salvador e outras cidades do interior da Bahia registradas durante protestos a favor e contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Será que teve 500 pessoas nesses eventos? (Nós da classe da música) queremos trabalhar. Essa aglomeração pode mas shows ainda não estão permitidos? Nós fazemos parte da cultura do país, representamos a ‘Cidade da Música’ e fomos os mais prejudicados nessa fase. Até quando teremos que esperar”, questionou o parlamentar.

O setor de eventos registrou um prejuízo de R$ 270 bilhões com a pandemia somente no período entre março e dezembro do ano passado. As perdas levaram ao desemprego de 3 milhões de pessoas neste período.

Kannário cobrou ações do governador do estado Rui Costa e do prefeito Bruno Reis no sentido de agilizar e autorizar a realização de eventos no estado. Atualmente shows, festas, públicas e privadas, independentemente do número de participantes, continuam proibidas no estado por decreto do governo.

“Os protestos de ambas as partes reuniram mais de 500 pessoas em Salvador. Enquanto isso, nossa classe está proibida de trabalhar e sem perspectiva de retorno. Precisamos de uma resposta do governo”, defendeu Kannário.

Últimas Noticias