Morre Renato Simões, do jornal A Tarde

O jornalista Renato Simões, filho do fundador de A Tarde, Ernesto Simões Filho, morreu nesta quinta-feira (04/11), aos 96 anos, no Rio de Janeiro, devido a causas naturais,

Bacharel em direito, Renato Simões fez do jornalismo a sua grande paixão. “Meu pai foi advogado de formação, mas desde cedo abandonou esse caminho para cuidar e se dedicar ao jornal. Ele se considerava antes de tudo um jornalista”, diz Renato Simões Filho ao periódico. Casado com Norma Rocha Simões, era também pai de Yolanda Simões Atherino, tinha quatro netos e dois bisnetos.

O velório, seguido de cremação, ocorrerá nesta sexta-feira (04/11), das 13h às 15h30, no Crematório e Cemitério da Penitência, no bairro do Caju, Rio de Janeiro.

Renato Simões foi superintendente de A Tarde no período de 1957 a 2012, quando assumiu a presidência do Conselho de Administração do grupo de comunicação. Em seguida recebeu o título de presidente de honra. Ele era tio-avô do atual presidente do grupo, João de Mello Leitão.

Últimas Noticias

Bolsonaro vira alvo de inquérito por mentir sobre vacina da Covid e Aids

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou hoje (3) a abertura de inquérito sobre a...