Mãe envia SMS dizendo que não suportava o filho antes da criança sumir

Uma mulher, mãe de uma criança de 5 anos, mandou uma mensagem a uma amiga dizendo que “não sentia nenhuma ligação” com o filho, meses antes do menino ter desaparecido. Danielle Dauphinais, de New Hampshire,nos Estados Unidos, enviou uma mensagem onde comparava o filho, de cinco anos, aos assassinos em série Ted Bundy e Jeffrey Dahmer. “Quero que ele desapareça”, escreveu a mulher, referindo-se ao fato de ser “um pesadelo” viver com a criança, cujo comportamento considerava horrível.

“É triste dizer isso mas não sinto nenhuma ligação a esta criança”, lamentou, meses antes do corpo de Elijah ter sido encontrado numa floresta. O jornal The Telegraph conta que a criança morava há menos de um ano com a mãe. Antes disso morava com o pai, mas este acabou por renunciar à sua guarda, por motivos ainda não revelados.

As autoridades de New Hampshire começaram a procurar Elijah em 14 de outubro, embora a sua mãe não o tivesse dado como desaparecido antes dessa data.

As autoridades policiais procuraram a criança em cinco estados, acabando por descobrir o seu corpo na floresta em Massachusetts, no dia 23 de outubro. Dias antes, em 17 de outubro, a mãe do menino e o seu namorado, Joseph Stapf, foram detidos e acusados de adulteração de testemunhas e de colocar em perigo a vida da criança. Apesar disso, foram considerados inocentes pela morte da criança. As causas do óbito estão ainda sendo apuradas.

Últimas Noticias

Bruno Reis, Marcell e Leo garantem que obras do Hospital Público Veterinário começam esse ano

O vice-presidente estadual do PSDB e protetor dos animais, Marcel Moraes, esteve reunido com o prefeito Bruno Reis e...