ALERTA VERMELHO: número crescente de faltosos e não vacinados em Salvador preocupa secretaria da saúde

Passados dez meses do início da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 em Salvador, o número de não vacinados chama a atenção da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e acende um alerta vermelho: entre as pessoas com 12 anos ou mais habilitadas para o recebimento da 1ª dose, mais de 70 mil ainda não compareceram aos postos para iniciar o ciclo vacinal; outras 283 mil estão com o fechamento do esquema atrasado, e cerca de 156 mil ainda não foram tomar a dose de reforço.

O titular da pasta, Leo Prates, afirmar que os números são alarmantes e preocupantes e apela para que as pessoas busquem o imunizante para evitar uma nova onda da doença na cidade. “Este é um número que muito nos preocupa, e é um cenário que já estamos acompanhando na Europa, chamado de ‘pandemia dos não vacinados’. Na Alemanha, França, Dinamarca e Áustria, por exemplo, o aumento do número de casos, internações e mortes, atualmente, são de pessoas que não se vacinaram contra o vírus, e não queremos isso em Salvador. Por isso estamos fazendo um forte apelo para população comparecer ao ponto de imunização”, destacou o secretário.

Diariamente a Prefeitura de Salvador, através da SMS, disponibiliza dezenas de pontos de imunização para garantir o acesso às doses da vacina (1ª, 2ª e 3ª), além do serviço de agendamento prévio, vacinação domiciliar, escolar e vacinação itinerante. Alertas também são enviadas por mensagem via WhatsApp conscientizando para a importância da iniciação e fechamento do ciclo vacinal, bem como da dose de reforço. “Estamos nos esforçando ao máximo, de segunda a sábado, para garantir esse direito da população, mas precisamos contar com a conscientização dessas mesmas pessoas que estão sendo beneficiadas”, finalizou Leo Prates.,

Últimas Noticias