Mulher picada por aranha no bairro da Federação é internada

Ana Beatriz Santos, 22 anos, precisou ser internada após ser picada por uma aranha, enquanto dormia, em casa no bairro da Federação, no sábado (01/01). A vítima sentiu um ardor na perna, mas não conseguiu identificar o que era.

Horas depois, ao ir para a praia, sentiu uma dor mais intensa e procurou a emergência. O veneno da aranha já tinha atingido o fígado e o abdômen da jovem. Ela está consciente, mas não há previsão de alta.

Vizinhos contaram ao Balanço Geral, da TV Record, que picadas de aranha são recorrentes na Rua 11 de Agosto e se intensificaram nos últimos três meses. A avó, a irmã e o sobrinho de Ana Beatriz também já foram atacados pelo réptil. O telejornal lembra que a Bahia registrou 749 pessoas picadas por aranhas em 2021.

Como a aranha que picou a jovem não foi capturada, ainda não é possível dizer a qual gênero ela pertence. O Centro de Controle de Zoonoses está no local fazendo uma avaliação ambiental para tentar definir o que tem causado o surgimento desses animais.

O site Bnews disse que uma das possibilidades é a ocorrência de algum desmatamento recente, que fazem com que os animais saiam de seu habitat em busca de alimento. Eles podem chegar até as casas através dos ralos de pias, chuveiros, das janelas e se alojar atrás de geladeiras, fogões, que são lugares quentes e úmidos.

Para evitar a presença das aranhas, o ideal é colocar telas nas janelas e manter os ralos das pias e chuveiros fechados. Além disso, é necessário dedetizar os imóveis, pois as baratas são um dos alimentos preferidos desses animais.

Últimas Noticias

Sonhos eróticos: o que significam?

É durante a fase REM (rapid eyes moviment, ou movimento rápido dos olhos) do sono, conhecida por ser aquela...