Após trocas, MDB mantém maior bancada do Senado

Depois da recente janela partidária, diversos deputados e senadores mudaram de partido político. Além disso, houve uma grande fusão partidária entre DEM e PSL, que resultou no partido União Brasil. Mesmo após essas mudanças, o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) manteve o posto de maior bancada partidária do Senado, com 12 senadores. Atualmente, estão representados na Casa 16 dos 32 partidos políticos regularmente registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A segunda maior bancada do Senado é a do Partido Social Democrático (PSD), com 11 senadores. O Partido Liberal (PL) tem 9 senadores. Podemos e União Brasil, 8 cada um.

Progressistas (PP) e Partido dos Trabalhadores (PT) têm cada um 7 representantes, seguidos de Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) com 6 e Partido Democrático Trabalhista (PDT) com 4.

O Partido Republicano da Ordem Social (Pros) e o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) têm 2 senadores cada. Cinco partidos contam com apenas um representante cada no Senado: Cidadania, Partido Socialista Brasileiro (PSB), Partido Social Cristão (PSC), Rede Sustentabilidade e Republicanos.

Entretanto, os senadores podem mudar de sigla a qualquer momento, ao contrário dos deputados federais, como lembra o consultor legislativo do Senado Gilberto Guerzoni. Segundo a legislação, senadores não perdem o mandato no caso de mudança de sigla a qualquer tempo, diferentemente dos deputados.

— Essa regra não se aplica aos eleitos pelo sistema majoritário: os chefes do Poder Executivo e os senadores. Os senadores, tanto na legislação quanto no entendimento consolidado do Poder Judiciário, podem mudar de partido a qualquer momento sem sofrer nenhum tipo de penalidade por isso — afirmou o consultor em entrevista à Rádio Senado.

Guerzoni também avalia que, com tantas legendas representadas na Casa, as negociações para votação de matérias tendem a ser mais difíceis e trabalhosas.

O Senado é composto por 81 senadores: 3 por estado mais 3 do Distrito Federal. Nas eleições de 2022 serão eleitos 27 senadores, um por unidade federativa. No Senado os partidos políticos também se organizam em blocos parlamentares.

Nome Partido UF
CIDADANIA – CIDADANIA 
Eliziane Gama CIDADANIA MA
MDB – Movimento Democrático Brasileiro
Confúcio Moura MDB RO
Eduardo Braga MDB AM
Fernando Bezerra Coelho MDB PE
Giordano MDB SP
Jader Barbalho MDB PA
Jarbas Vasconcelos MDB PE
Marcelo Castro MDB PI
Nilda Gondim MDB PB
Renan Calheiros MDB AL
Rose de Freitas MDB ES
Simone Tebet MDB MS
Veneziano Vital do Rêgo MDB PB
PDT – Partido Democrático Trabalhista 
Acir Gurgacz PDT RO
Cid Gomes PDT CE
Leila Barros PDT DF
Weverton PDT MA
PL – Partido Liberal 
Carlos Portinho PL RJ
Carlos Viana PL MG
Eduardo Gomes PL TO
Flávio Bolsonaro PL RJ
Jorginho Mello PL SC
Marcos Rogério PL RO
Romário PL RJ
Wellington Fagundes PL MT
Zequinha Marinho PL PA
PODEMOS – Podemos 
Alvaro Dias PODEMOS PR
Eduardo Girão PODEMOS CE
Flávio Arns PODEMOS PR
Jorge Kajuru PODEMOS GO
Lasier Martins PODEMOS RS
Marcos do Val PODEMOS ES
Oriovisto Guimarães PODEMOS PR
Styvenson Valentim PODEMOS RN
PP – Progressistas
Daniella Ribeiro PP PB
Eliane Nogueira PP PI
Elmano Férrer PP PI
Esperidião Amin PP SC
Kátia Abreu PP TO
Luis Carlos Heinze PP RS
Mailza Gomes PP AC
PROS – Partido Republicano da Ordem Social 
Telmário Mota PROS RR
Zenaide Maia PROS RN
PSB – Partido Socialista Brasileiro
Dário Berger PSB SC
PSC – Partido Social Cristão
Luiz Carlos do Carmo PSC GO
PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira 
Alessandro Vieira PSDB SE
Izalci Lucas PSDB DF
José Serra PSDB SP
Mara Gabrilli PSDB SP
Plínio Valério PSDB AM
Tasso Jereissati PSDB CE
PSD – Partido Social Democrático
Alexandre Silveira PSD MG
Angelo Coronel PSD BA
Carlos Fávaro PSD MT
Irajá PSD TO
Lucas Barreto PSD AP
Nelsinho Trad PSD MS
Omar Aziz PSD AM
Otto Alencar PSD BA
Rodrigo Pacheco PSD MG
Sérgio Petecão PSD AC
Vanderlan Cardoso PSD GO
PTB – Partido Trabalhista Brasileiro
Fernando Collor PTB AL
Roberto Rocha PTB MA
PT – Partido dos Trabalhadores  
Fabiano Contarato PT ES
Humberto Costa PT PE
Jaques Wagner PT BA
Jean Paul Prates PT RN
Paulo Paim PT RS
Paulo Rocha PT PA
Rogério Carvalho PT SE
REDE – Rede Sustentabilidade
Randolfe Rodrigues REDE AP
REPUBLICANOS – REPUBLICANOS  
Mecias de Jesus REPUBLICANOS RR
UNIÃO – União Brasil
Chico Rodrigues UNIÃO RR
Davi Alcolumbre UNIÃO AP
Fabio Garcia UNIÃO MT
Marcio Bittar UNIÃO AC
Maria do Carmo Alves UNIÃO SE
Reguffe UNIÃO DF
Rodrigo Cunha UNIÃO AL
Soraya Thronicke UNIÃO MS

Fonte: Agência Senado

Últimas Noticias

Lei que amplia Prouni para estudantes de escolas privadas é sancionada

O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou a Lei 14.350/2022 que amplia o acesso ao Programa Universidade para Todos...