Secretaria da Educação promove Festival de Invenção e Criatividade com programação diversificada

Teve início, nesta quarta-feira (27), o Festival de Invenção e Criatividade (FIC), realizado pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador. O objetivo do evento é traçar novos caminhos para o sistema estadual de ensino através de práticas pedagógicas mais dinâmicas e abrangentes, através do uso da tecnologia. A programação segue até quinta-feira (28) e contempla palestras, oficinas de Role Playing Game (RPG), Arduíno, modelagem 3D, mostras interativas, jogos digitais e apresentação de experiências.

“A educação precisa se aproximar cada vez mais de conceitos como inovação, criatividade e tecnologia. Esse festival integra a política do IAT de oferecer aos nossos educadores formação e experiências que sejam inovadoras para transformar o sistema educacional da Bahia. Até esta quinta-feira alunos e professores de diversas escolas poderão aproveitar oficinas e mostras interativas”, afirmou a diretora-geral do Instituto, Cibele Amado.

Para os estudantes, o evento é uma oportunidade de interagir com tecnologias e conceitos que estão criando novas formas de pensar a realidade. Pablo Brandão, aluno do 3ª Ano, afirmou que o Festival está conectado com o futuro da educação. “Hoje é impossível pensar em nosso mundo sem pensar em tecnologia, a escola precisa estar conectada com isso. Acho muito importante estarmos aqui ouvindo sobre novas formas de aprender”.

Formação

Na formação dos educadores, o evento contribui no sentido de potencializar um currículo integrador e contextualizado, uma vez que a Aprendizagem Criativa, a Cultura Maker e o STEAM, sigla em inglês para Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática, incentivam uma postura ativa dos estudantes em sua jornada de aprendizagem.

A professora de língua portuguesa, Acássia Brito, acredita que, além de favorecer diferentes tipos de aprendizado, o uso da tecnologia nas escolas amplia o papel dos professores e modifica o ambiente nas salas de aula. “Como educadora, eu sinto que nos aproxima dos alunos e encurta distâncias, já que estamos falando uma linguagem que eles dominam e usam de forma cotidiana para se expressar e se relacionar com o mundo”.

Programação

A programação do FIC conta com a participação de educadores da Bahia e também de grandes nomes da Aprendizagem Criativa, como Eduardo Bento, Luan Freitas, Lincoln Aguiar e Soraya Lacerda, da Casa Thomas Jefferson, de Brasília.

Últimas Noticias

Mega-Sena pode pagar R$ 100 milhões neste sábado

O concurso 2.485 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 100 milhões para quem acertar as seis dezenas....