Pastor é morto durante tiroteio entre PM e traficantes em Ilhéus

Uma troca de tiros entre policiais militares e traficantes, no bairro Nossa Senhora da Vitória, em Ilhéus, no sábado (18/06), resultou na morte de um pastor evangélico da igreja Batista Sinai. Alisson dos Santos Rocha, 30 anos, estava próximo à igreja que frequentava quando foi baleado no pescoço.

A Polícia Militar informou que equipes da 69ª CIPM com o apoio do Graer faziam uma investida na localidade conhecida como Tangerina e foram atacadas por um grupo de homens armados. Houve confronto. Em seguida, a corporação disse que foi acionada por moradores informando que um homem havia sido atingido por tiro na Rua da Matriz, no mesmo bairro.

Ainda conforme a PM, outra equipe chegou ao local e encontrou a vítima amparada por moradores, que disseram que ele havia sido atingido durante a troca de tiros. A PM socorreu deixou Alisson aos cuidados do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a vítima não resistiu aos ferimentos.

A ocorrência foi registrada na 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin). A PM acrescentou que todas as circunstâncias da ocorrência que resultou na morte do líder evangélico serão apuradas.

Moradores fizeram um protesto e bloquearam um trecho da rodovia Ilhéus-Buerarema, na altura que corta o bairro Nossa Senhora da Vitória, em frente à sede de um módulo policial. Bombas chegaram a ser estouradas. Não houve registro de feridos.

Além de líder evangélico, Alisson também trabalhava como pintor e fazia trabalhos sociais na comunidade onde a igreja fica situada. O corpo dele foi sepultado no Cemitério do Couto, na zona rural de Ilhéus.

Últimas Noticias

Curso gratuito de computação em nuvem já registra 2 mil inscritos

O curso Google Cloud, realizado gratuitamente em parceria entre a Prefeitura e o Google, já registra 2 mil inscritos...