“Não vou deixar a Bahia andar para trás como aconteceu com o Brasil”, afirma Jerônimo em Itaberaba

“Aqui não tem projeto pessoal ou de interesse de empresa. Eu não sou um candidato de mim mesmo, eu não fui produzido em laboratório para ser governador da Bahia. Eu tenho história, eu tenho origem. Eu sou do meio do povo, eu não nasci em gabinete, não vou deixar a Bahia andar para trás como aconteceu com o Brasil”, afirmou o pré-candidato ao Governo do Estado pelo PT, Jerônimo Rodrigues, durante plenária do Programa de Governo Participativo (PGP), em Itaberaba, na tarde deste sábado (16).

“O presidente Lula se comprometeu com o Brasil e com a Bahia em resgatar os nossos sonhos, a nossa estima, botando o povo pobre, o povo preto, as mulheres no orçamento. Teremos mais indústrias, mais empregos, mais agricultura familiar”, garantiu Jerônimo, que discursou ao lado de Rui Costa, do senador Jaques Wagner (PT), dos pré-candidatos a vice-governador, Geraldo Júnior (MDB), e a senador, Otto Alencar (PSD), e de prefeitos, vice-prefeitos e ex-prefeitos.

Últimas Noticias

Anvisa proíbe uso do fungicida carbendazim em produtos agrotóxicos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou hoje (8) por unanimidade a proposta de Resolução da Diretoria Colegiada...