Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador

Biblioteca Central promove Café Filosófico com homenagem a Jaime Sodré

O historiador, escritor e professor Jaime Santana Sodré Pereira, doutor em História da Cultura Negra, será homenageado no evento intitulado ‘Café Filosófico da Comunidade Quilombo do Quingoma’, primeiro Território Iorubá do Brasil, que acontecerá na Biblioteca Central do Estado da Bahia, no dia 5 de junho, a partir das 16h. A atividade é uma iniciativa da entidade Sociedade Beneficente Oito de Maio.

Na oportunidade, a Fundação Pedro Calmon, vinculada à Secretaria de Cultura do Estado (Secult-BA), além da homenagem, promove o lançamento de 10 verbetes biográficos de personalidades que tiveram atuação no Movimento Negro na Bahia: Ana Célia Silva, Antônio Carlos dos Santos (Vovô), Arany Santana, Gilberto Leal, João Jorge Santos Rodrigues, Jônatas Conceição da Silva, Luiz Alberto, Luiza Bairros, Zulu Araújo e Lino Almeida, que irão compôr o Dicionário Biográfico–Histórico da Bahia, fruto do trabalho do Centro de Memória da Bahia, além de apresentações artísticas.

Referência na História da Cultura Negra

O educador Jaime Sodré era graduado em Licenciatura e Desenho pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (Ufba), doutor em História da Cultura Negra. Desenvolveu um trabalho sobre a influência da religião afro-brasileira na obra do artista plástico e também escritor Mestre Didi.

Sodré publicou diversos artigos sobre a Cultura Negra, como a antologia “Literatura e afrodescendência no Brasil”, além do livro “Da diabolização à divinização: a criação do senso comum”, publicado pela editora Edufba. Ganhou diversos prêmios, como o troféu Caboclo da Associação Cultural de Preservação do Patrimônio Bantu (2005) e o 2º lugar no Prêmio Funarte (2003), além de homenagens como a medalha Zumbi dos Palmares, da Câmara Municipal de Salvador. Sodré também fez parte do Conselho do Olodum, entre o final da década de 1990 e o ano 2000.

DBHB

O Dicionário Biográfico-Histórico da Bahia (DBHB), organizado pelo Centro de Memória da Bahia (CMB/FPC), é uma obra de referência em elaboração que deverá constar cerca de 1.500 verbetes de personalidades públicas do Estado com atuação nos Poderes Legislativo e Executivo (ministros, deputados, senadores, governadores, secretários), ao longo do período republicano, e personalidades que tiveram atuação na Cultura e Sociedade baiana, com informações biográficas e respectiva atuação.

COMBATE AO TRÁFICO EM SFC: Polícia cumpre 13 mandados de prisão e um dos alvos está na folha da prefeitura

A Polícia Civil realiza uma operação na manhã desta quinta-feira (13/06), na cidade de São Francisco do Conde, região metropolitana de Salvador. Conforme a fonte...

Morre o cantor Nahim, aos 71 anos, em São Paulo

O cantor Nahim Jorge Elias Júnior, conhecido como Nahim, morreu na manhã desta quinta-feira (13/06), aos 71 anos, em Taboão da Serra, na Grande...
Prefeitura Porto Seguro

COMBATE AO TRÁFICO EM SFC: Polícia cumpre 13 mandados de prisão e um dos alvos está na folha da prefeitura

A Polícia Civil realiza uma operação na manhã desta quinta-feira (13/06), na cidade de São Francisco do Conde, região...
Fundação Jose Silveira

COMBATE AO TRÁFICO EM SFC: Polícia cumpre 13 mandados de prisão e um dos alvos está na folha da prefeitura

A Polícia Civil realiza uma operação na manhã desta quinta-feira (13/06), na cidade de São Francisco do Conde, região...

Morre o cantor Nahim, aos 71 anos, em São Paulo

O cantor Nahim Jorge Elias Júnior, conhecido como Nahim, morreu na manhã desta quinta-feira (13/06), aos 71 anos, em...

Traficantes e homicidas são alvo de operação da Polícia Civil na RMS

O desdobramento de investigações acerca da atuação de criminosos envolvidos com o tráfico de drogas e homicídios, na Região...

Motorista por aplicativo desaparece após discussão em Cassange

O motorista por aplicativo de 34 anos, Elionaldo Cardoso Santos, que desapareceu no último domingo (09/06), no bairro de...