Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador
Informe Baiano
Exemplo de imagem responsiva Prefeitura de Salvador

Uefs reforma banheiros, e mictórios, quem diria, vão ao centro do debate político

“Com vergonha de saber que tinha alguém ali comigo
Vendo fazer tudo que se faz dentro de um banheiro”
(Paranoia, de Raul Seixas)

Pouco mais de um século depois do pintor e escultor francês Marcel Duchamp sacudir a sociedade da época e colocar em xeque o conceito da palavra arte ao apresentar um urinol como manifestação artística, o prosaico vaso encontrado na maioria dos banheiros masculinos volta a ser colocado no centro de uma polêmica entre conservadores e renovadores. No caso, entre bolsonaristas e defensores da neutralidade de gênero.

A provocação de Duchamp foi em 1917, quando ele encaminhou a obra “A Fonte” – na verdade, um urinol comum, branco, desses encontrados em qualquer loja de material de construção – a um concurso de arte nos Estados Unidos, assinando com o pseudônimo “R. Mutt”. O júri, é claro, rejeitou a peça por não ver ali nenhum valor artístico, mas acabou voltando atrás, ao saber que o autor era Duchamp.

Pioneiro da arte conceitual, criador do conceito de “ready-made” (que propõe a apropriação de objetos do cotidiano, dando-lhes novas significações), Duchamp entrou para a história da arte deixando um legado que influenciou alguns movimentos vanguardistas da primeira metade do século passado.

A nova polêmica do urinol estabeleceu-se na Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), 107 anos depois, no bojo de uma reforma da infraestrutura do campus, com a retirada dos mictórios dos banheiros masculinos, pretensamente para atender a reclamações de alguns usuários que se sentiam incomodados ao usar e ao ver outros usando o equipamento higiênico.

Acontece que os urinóis retirados dos banheiros foram descartados em uma área do campus em meio ao mato. Foi o bastante para a psicóloga Rocheane Rocha, pré-candidata a vereadora pelo PL e militante do Movimento Pátria Amada, de viés bolsonarista, acusar a administração da universidade de mau uso do dinheiro público, já que, segundo ela, não havia motivo para a substituição dos mictórios por vasos sanitários.
“Eu nunca vi isso, banheiro masculino sem mictório”, bradou a militante bolsonarista em um vídeo postado na internet. “E quem quer usar o mictório, com é que fica agora?”, questionou, acrescentando que vai levar a questão ao Ministério Público.

Em nota, a Uefs explicou que a retirada dos mictórios reforça as políticas de inclusão da instituição, promovendo a neutralidade de gênero no ambiente acadêmico, e visa proporcionar um ambiente mais confortável e digno para todos.

A polêmica ganhou as redes sociais e adquiriu contornos políticos com bolsonaristas e não-bolsonaristas atacando e defendendo os urinóis em comentários às vezes jocosos, mas também, como virou praxe, trocando amabilidades inteiramente fora do tom que se espera das discussões acadêmicas.

A própria reitora Amali Mussi, em uma tentativa de encerrar a polêmica, anunciou que alguns banheiros masculinos voltarão a ter mictórios, mas dentro de cabines individuais, para assegurar a privacidade do usuário e não constranger quem estiver por perto.
Alguns dos polemistas, porém, prometem continuar alertas. Para eles, a retirada dos mictórios dos banheiros masculinos nada tem a ver com a maior ou menor privacidade no uso do equipamento. Trata-se, segundo eles, de um ataque organizado dentro da Uefs a um dos últimos bastiões do machismo: o direito de fazer xixi em pé.

José Carlos Teixeira
É jornalista, graduado em comunicação social pela Universidade Federal da Bahia e pós-graduado em marketing político, mídia, comportamento eleitoral e opinião pública pela Universidade Católica do Salvador

Atenção, motoristas! Eventos causam alterações no trânsito neste domingo (16)

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) informou que, neste domingo (16/6) e segunda-feira (17/6), o tráfego de veículos será modificado nos bairros da...

MATARAM WELLINGTON: Homem suspeito de crime em barbearia é morto dentro do banheiro em Camaçari

A Polícia investiga a morte de Wellington Rosa dos Santos Filho, de 24 anos, ocorrida no final da tarde deste sábado (15/06), no bairro...
Prefeitura Luis Eduardo Magalhães

Atenção, motoristas! Eventos causam alterações no trânsito neste domingo (16)

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) informou que, neste domingo (16/6) e segunda-feira (17/6), o tráfego de veículos...
Fundação Jose Silveira

Atenção, motoristas! Eventos causam alterações no trânsito neste domingo (16)

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) informou que, neste domingo (16/6) e segunda-feira (17/6), o tráfego de veículos...

MATARAM WELLINGTON: Homem suspeito de crime em barbearia é morto dentro do banheiro em Camaçari

A Polícia investiga a morte de Wellington Rosa dos Santos Filho, de 24 anos, ocorrida no final da tarde...

MEC aceita revogar portaria se professores de federais acabarem greve

O Ministério da Educação se comprometeu a revogar a Portaria 983, de novembro de 2020 - que eleva a...

QUEREM R$20 MIL! Suposto motorista por App sequestrado em point de Mussurunga

Um homem identificado como Bruno Almeida foi sequestrado na noite de sexta-feira (14/06) no bairro de Mussurunga, perto de...