Lutador brasileiro é acusado de roubar agência bancária nos EUA

O lutador brasileiro de MMA Sergio da Silva foi preso na última quinta-feira (31) por roubar um banco. De acordo com o site o ‘TMZ Sports’, o atleta de 31 anos é acusado de entrar em uma agência no Queens, bairro de Nova York (EUA), e levar cerca de 50 mil dólares em dinheiro (aproximadamente R$ 155 mil).

No último dia 24, ‘The Savage’ anunciou o assalto afirmando que estava armado e que atiraria se fosse necessário. A polícia o identificou a partir das impressões digitais deixadas na cena do crime e o rastreou até o seu apartamento, localizado na mesma rua da agência bancária.

Sergio lutou pela última vez no Bellator 180, no último mês de junho, em Nova York, quando perdeu pela nona vez na sua carreira. Em suas 15 lutas profissionais, The Savage atuou em eventos como Bellator, CFFC, ROC, entre outros, na categoria de peso-galo (61 kg).