Salvador é destino da maior regata transatlântica que liga A Europa à América

De um lado, a futura sede da Amazônia Azul, com uma extensão de mais de 1.000 km² e profundidade que chega a 42 metros, abrangendo mais de 50 ilhas e o Forte São Marcelo, sendo chamada de Baía de Todos os Santos, a maior do litoral brasileiro e a segunda do mundo. Do outro, o imponente frontispício que separa a Cidade Alta da Cidade Baixa, com o Mercado Modelo e o Segundo Distrito Naval da Marinha do Brasil. Esta será a primeira imagem que os skippers e as delegações da 13ª edição da regata Transat Jacques Vabre terão de Salvador, a Primeira Capital do Brasil. “A cidade oferece uma mistura única de arquitetura histórica, recursos naturais e elementos culturais para visitantes de todo o mundo. Estamos muito orgulhosos e honrados de receber esta regata em nossa cidade”, enfatizou o prefeito de Salvador, ACM Neto.

O lançamento oficial da regata aconteceu na tarde desta quarta-feira (20), no Pavillon des Champs-Elysées, em Paris, e contou com as presenças do secretário municipal de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco, de velejadores, patrocinadores, representantes da comunidade náutica, além de outras autoridades. Tinoco falou da hospitalidade do povo de Salvador e das intervenções feitas pela Prefeitura nos últimos quatro anos e meio para melhorar a cidade. “Os velejadores, organizadores e patrocinadores serão recebidos com muita alegria, música e hospitalidade. E se surpreenderão com a nossa culinária”, brincou.

A largada acontecerá no dia 5 de novembro e os primeiros colocados devem chegar a Salvador no dia 12 – previsão feita por velejadores que participaram da coletiva. A capital baiana é a cidade brasileira que mais foi porto de chegada desta travessia, que liga o hemisfério Norte ao Sul. Esta será a quinta vez que Salvador vai receber a competição, que foi realizada, anteriormente, entre 2001 e 2007 (a cada dois anos). Entre os dias 12 e 24 de novembro, a Prefeitura montará a Vila da Regata, localizada próximo à rampa do Mercado Modelo. A estrutura servirá para recepcionar os skippers, as delegações, jornalistas e o público que poderá fazer visitação ao espaço.

A cidade já está preparada para receber os mais de 40 barcos que devem participar da disputa, com velejadores de dez diferentes nacionalidades: França, Japão, Reino Unido, Espanha, Suíça, Alemanha, Brasil, Angola, Itália e Omã. Entre eles, o baiano Leonardo Chicourel, com o barco “Mussulo 40 Team Angola Cables”, na categoria Class 40. A captação da Transat Jacques Vabre é uma parceria entre a Prefeitura de Salvador, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, e do governo do estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur).

Claudio Tinoco avaliou que esta é, também, uma oportunidade de intercâmbio cultural entre os participantes da competição e os soteropolitanos. “Temos patrimônios culturais, arquitetônicos e gastronômicos reconhecidos no mundo inteiro. Recentemente, Salvador foi reconhecida como “Cidade da Música” pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura). Acreditamos que tudo isso atrairá a atenção dos visitantes, que poderão aproveitar todas as riquezas de nossa Terra e do nosso caloroso povo soteropolitano”, apostou Tinoco.

Entre os patrimônios reconhecidos nacional e mundialmente estão o Centro Histórico, onde também se localizam o Pelourinho, a Praça Municipal e Terreiro de Jesus; o Elevador Lacerda; o Conjunto Urbano e Arquitetônico da Cidade Baixa; e o Farol da Barra.

Turismo náutico
– A Transat Jacques Vabre tem um papel proeminente na promoção da economia náutica e do turismo. O prefeito ACM Neto destaca que o resgate da realização da Transat Jacques Vabre é o reconhecimento da importância da economia náutica para Salvador.

“Sabemos do potencial náutico da Baía de Todos os Santos e, por isso mesmo, estamos buscando trazer para a cidade grandes eventos internacionais, como é o caso desta que é a maior regata de velas do mundo. Estamos trabalhando para intensificar ainda mais o turismo náutico e acreditamos que esse será um grande momento para a cidade”, afirma o prefeito.

A Baía de Todos os Santos, onde as embarcações chegarão, propicia diversas opções para o lazer, como o turismo nas ilhas e praias paradisíacas de águas calmas e cristalinas, a exemplo da Praia de Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe, na Ilha dos Frades, que possui o título de Bandeira Azul; além da prática de esportes náuticos, como o mergulho, possibilitando o vislumbre de recifes de corais e uma grande variedade de vida marinha em cenários submarinos.

Mais atividades – A Prefeitura de Salvador e a Embaixada do Brasil na França vão elaborar uma programação conjunta até o final de novembro para promover ações relacionadas à primeira capital do Brasil na Europa no ano que vem. As sugestões e o calendário para os eventos foram discutidos na manhã de hoje, em Paris, durante encontro do embaixador Paulo César de Oliveira Campos e o secretário de Cultura e Turismo de Salvador, Cláudio Tinoco. O secretário iniciou a reunião de trabalho, realizada na sede da Embaixada, com uma apresentação das principais ações feitas à frente da Secult, citando como exemplos bem sucedidos os contratos de financiamentos, os intercâmbios para o desenvolvimento do turismo, a implantação dos espaços culturais e a requalificação urbanística de Salvador.

Ultimas Noticias

PF prende homem por compartilhar cenas de abuso sexual infantil

Agentes da Polícia Federal cumpriram na sexta-feira (23/08) mandado de busca e apreensão de homem que compartilhava arquivos com cenas de abuso sexual de...

Mais de 1,7 tonelada de maconha apreendida em oito dias

Mais de 1,7 tonelada de maconha apreendida. Esse foi o saldo das ações desenvolvidas pelas forças de segurança de sexta (16) até sexta-feira...

País desenvolve tecnologia para lavouras mais resistentes ao calor

Contornar os efeitos do calor na lavoura tem ocupado os pesquisadores da Embrapa no desenvolvimento de técnicas de plantio, manejo e novas cultivares que...

Último adeus! Motorista de ônibus escolar é homenageado com caixão temático

Os moradores da comunidade de Wilson County, em Tennessee, nos Estados Unidos, resolveram homenagear uma figura muito querida após a sua morte. David Wright,...
Publicidade