GOLPE DURO! Anderson Silva está fora do UFC 198

A notícia de que Anderson Silva havia sido retirado do card do UFC 198 por conta de uma inflamação na vesícula caiu como uma bomba entre os treinadores de seu time.

- publicidade -

O brasileiro teve fortes dores abdominais nesta segunda-feira e foi diagnosticado com colecistite aguda (inflamação da vesícula biliar). Internado no Rio de Janeiro, deve passar por uma cirurgia na manhã desta quarta-feira, que será feita através de uma videolaparoscopia, com duração prevista de 1h30m.

– Essas dores começaram hoje de manhã (terça-feira). Nós viemos no voo das 11 horas, ele vinha junto, o resto da equipe tinha vindo mais cedo. Quando deu 7h30 da manhã, mais ou menos, ele começou a dizer que estava com muita dor na barriga, muito forte. Ele disse: “Mestre, estou indo para o hospital, daqui a pouco vou melhorar. O Dr Tannure está vindo para cá”. Pegamos o voo e viemos para Curitiba e aí ele mandou uma mensagem: “Poxa mestre, saí do hospital agora. Estou em casa, mas com uma dor insuportável”. Isso era meio-dia. Eu disse: “Negão você tem que comer, se alimentar” e ele disse que não conseguia comer, só vomitava. Agora à tarde, ele disse que não estava aguentando mais, estava com muita dor, vomitando e que iria voltar para o hospital. Fizeram todos os exames e, quando viram, ele estava com esse problema na vesícula, vai ter que operar nesta quarta-feira. É uma dor insuportável, o cara estava bem e do nada aparece essa dor. Ele estava pronto, próximo ao peso, estava com 87 kg. Quer dizer, não tenho nem palavras, ele queria muito lutar aqui, estava animado, treinando bem. Tem que entregar na mão de Deus, a gente nem tem o que argumentar – declarou Luiz Dórea, treinador de boxe do brasileiro.

Ricardo De La Riva, Anderson Silva (Foto: Marcelo Barone)
Ricardo De La Riva afirmou que equipe de Anderson
está muito triste com a sua retirada do card do UFC 198

Ricardo De La Riva, responsável por afiar o chão de Spider, revelou que o lutador já estava sentindo uma certa indisposição há algumas semanas, mas que não fazia ideia da gravidade da situação.

– Há umas duas semanas ele teve alguns sintomas de enjoo, ânsia de vômito e tal, até cancelamos dois treinos na época. Mas ele fez os exames, a gente achou que foi uma virose e caiu no esquecimento, ele voltou a treinar normal… Mas nessa madrugada (terça-feira) o Dórea já veio pro aeroporto com ele, e ele avisou que tinha passado muito mal à noite, que tinha ido para o hospital e falou que ia descansar, que não ia pegar o voo das 11h com a gente. Ele foi para casa, descansou, e aí voltou para o hospital novamente, tentou comer alguma coisa, não conseguiu, passou mal novamente, levaram ele pro hospital novamente já nesta terça-feira, fim de tarde, e aí foi que veio a notícia de que mandaram todos os exames para os EUA e o médico do UFC, sem nem mesmo vê-lo, disse que era caso de cirurgia, que ele tinha que ir urgente para o hospital operar. Tomara que se recupere rápido para voltar à ativa. O que mais a gente sente é que o cara estava treinando super forte, rendendo bem, mas naquele limite. Eu sempre exigindo mais e mais, puxando, ele acompanhando, mas chegou uma hora que não deu.

Antes da confirmação de que o problema de Anderson era na vesícula, circularam rumores pelos bastidores do UFC 198 dando conta de que o brasileiro havia machucado o pé em um dos treinos, ido ao médico e, por conta dos anti-inflamatórios receitados para a lesão, acabou desenvolvendo uma gastrite.

– Pode ser…ele sentiu um pouco o pé, mas não foi nada grave, ele se medicou com antiinflamatório, não sei nem qual foi…mas ele estava bem, treinando normal, mas com aquele cuidado para não piorar. Mas estava sem nenhuma queixa, claro que vários fatores devem ter contribuído para que isso acontecesse. Até uma hora atrás estava tudo certo. Estávamos só naquela expectativa dele melhorar, se era do enjoo, do antiinflamatório, da alimentação que mudou alguma coisa…Agora que veio a notícia de que realmente a luta caiu e a gente ficou nessa tristeza. Mas, ao mesmo tempo, esperamos que ele se recupere logo para que possa dar um show para a gente já no próximo evento -completou De La Riva.

Segundo informações, o prazo para que Anderson volte a treinar é de quatro a seis semanas. O ex-campeão dos médios estava escalado para enfrentar Uriah Hall no card principal do UFC 198, em Curitiba. Para Dórea, no entanto, Spider teve sorte por ter identificado o problema antes de entrar no octógono deste sábado.

– Agora é pensar em recuperar e entregar na mão de Deus. Eu sei que ele fez de tudo para lutar, se dedicou aos treinos, queria lutar, fez a parte dele. Deus sabe o que faz, não era para ser, uma dor dessa, imagina se vem no dia da luta, se vem dentro do ringue? Porque é uma coisa que vem de repente… Infelizmente aconteceu e está todo mundo triste, foi uma coisa meio inesperada mesmo.

Com Fabricio Werdum e Stipe Miocic na luta principal, o UFC 198 começa às 19h15 (horário de Brasília).

UFC 198
14 de maio de 2016, em Curitiba (PR)
CARD PRINCIPAL (a partir de 23h de Brasília):
Peso-pesado: Fabricio Werdum x Stipe Miocic
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Vitor Belfort
Peso-médio: Uriah Hall x Adversário a definir
Peso-casado (até 63,5kg): Cris Cyborg x Leslie Smith
Peso-meio-pesado: Mauricio Shogun x Corey Anderson
CARD PRELIMINAR (a partir de 19h15 de Brasília):
Peso-meio-médio: Demian Maia x Matt Brown
Peso-meio-médio: Warlley Alves x Bryan Barberena
Peso-médio: Thiago Marreta x Nate Marquardt
Peso-galo: John Lineker x Rob Font
Peso-meio-pesado: Rogério Minotouro x Patrick Cummins
Peso-leve: Francisco Massaranduba x Yancy Medeiros
Peso-meio-médio: Serginho Moraes x Luan Chagas
Peso-pena: Renato Moicano x Zubaira Tukhugov


Fonte: GloboEsporte.com

Reviravolta na briga de Neymar com zagueiro: racismo ou homofobia?

Uma reviravolta na confusão entre Neymar e o espanhol Álvaro Gonzáles pode manchar ainda mais a imagem do jogador brasileiro. Nenhum meio de comunicação europeu conseguiu localizar...

Corinthians derrota Bahia por 3 a 2

Depois de três partidas consecutivas sem vencer, o Corinthians derrotou o Bahia por 3 a 2, nesta quarta-feira (16), na Neo Química Arena, em partida válida pela...