Gato mais velho do mundo morre após entrar para o Guinness Book

Um siamês que acabou de ser reconhecido pelo Guinness Book como o gato mais velho do mundo morreu aos 30 anos. De acordo com sua dona, Gail Floyd, de Mansfield, Texas, Scooter morreu logo que teve o recorde de longevidade certificado em 8 de abril.

A veterinária Tricia Latimer disse que Scooter viveu o equivalente a 136 anos humanos. Para Gail Floyd, o segredo da longa vida foi ter mantido seu gato ativo e feliz. O animal viajava muito com sua dona e chegou a conhecer 45 dos 50 estados americanos.

O Guinness Book divulgou, na última terça-feira, que havia reconhecido Scooter como o gato mais velho do mundo. Ele completou 30 anos em 26 de março. Segundo a instituição, o animal era “ativo, cheio de energia e brincalhão”.

Apesar de ter vivido 30 anos e ter quebrado um recorde, Scooter não foi o gato que mais tempo viveu. Esse título pertencia a Crème Puff, que morreu aos 38 anos e 3 dias.


Fonte: Extra

Programação da Osba em outubro terá lives com o BTCA

A programação da Orquestra Sinfônica da Bahia para o mês de outubro está variada e intensa. O mês já começa com a estreia de uma série de...

Cantor Miller Ramos lança EP de Pagode Baiano

O cantor e compositor Miller Ramos, ex-vocalista da Banda Paparicco, lança às 12h da próxima sexta-feira (25/09), o EP Pode Dançar, com quatro faixas inéditas, que serão...

Cantora Pamela Hutchinson morre aos 61 anos

A cantora Pamela Hutchinson, do tema 'Best of My Love', do grupo The Emotions, morreu aos 61 anos. Representantes da banda confirmaram a notícia no Facebook. "Estamos...

Me Gusta: pagodão do ÀTTØØXXÁ, banda Didá e Salvador no novo clipe de Anitta

Fotos e vídeo: divulgação Promessa de novo hit, que será lançado nesta sexta (18), a nova canção da cantora carioca tem produção musical e identidade baiana do grupo...