Advogados travestis e transexuais vão poder usar o nome social no registro da Ordem

Foi aprovado na última terça (17), Dia Internacional da Homofobia, pelo Conselho Pleno da Ordem dos Advogados do Brasil, instância máxima de decisão da entidade, que advogados travestis e transexuais usem o nome social no registro da Ordem. Além disso, eles ainda vão poder incluir o nome social nas carteiras de identidade profissional. O período de carência para a adequação à novidade é de seis meses. A proposição determina que o nome social seja incluído ao lado do nome de certidão na carteira profissional e nas identificações online no âmbito dos sistemas da OAB em todo o Brasil.

Cantor Miller Ramos lança EP de Pagode Baiano

O cantor e compositor Miller Ramos, ex-vocalista da Banda Paparicco, lança às 12h da próxima sexta-feira (25/09), o EP Pode Dançar, com quatro faixas inéditas, que serão...

Cantora Pamela Hutchinson morre aos 61 anos

A cantora Pamela Hutchinson, do tema 'Best of My Love', do grupo The Emotions, morreu aos 61 anos. Representantes da banda confirmaram a notícia no Facebook. "Estamos...

Me Gusta: pagodão do ÀTTØØXXÁ, banda Didá e Salvador no novo clipe de Anitta

Fotos e vídeo: divulgação Promessa de novo hit, que será lançado nesta sexta (18), a nova canção da cantora carioca tem produção musical e identidade baiana do grupo...

FGM participa de mostra audiovisual online nesta terça-feira (15)

A Fundação Gregório de Mattos participa, nesta terça-feira (15), da 16ª edição do Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura (Enecult), apresentando documentários e curtas-metragens premiados por meio...