Um morto e dois presos no Cabula após roubo de caminhão frigorífico na Caixa D’Água

Edmilson Santos Calado Filho, o Edi, de 22 anos, e Jairo Santos Bonfim Junior, o Arapuã, 33, acusados de assaltar um caminhão frigorífico, nesta quarta-feira (10), no Largo do Tamarineiro, bairro da Caixa D’Água, foram presos por policiais da 23ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e encaminhados ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Um terceiro envolvido foi morto em confronto.

A guarnição da PM estava em ronda na localidade do Arraial de Baixo, na região do Retiro, quando foi abordada por um funcionário da empresa informando sobre o roubo do caminhão. Outros dois empregados, que faziam entrega da carga num açougue, também haviam sido levados como reféns pelos bandidos. O veículo estava equipado com GPS, o que facilitou sua localização.

Jairo, que já responde por roubo e estava em regime semi-aberto, e Edmilson, estavam na companhia de mais três comparsas, sendo que dois deles conseguiram fugiram. Já Orlando Rangel Câmera de Oliveira morreu depois de trocar tiros com os policiais no Conjunto ACM, na Estrada das Barreiras, onde o veículo foi interceptado pela PM. Orlando chegou a ser socorrido pela guarnição para o Hospital Geral Roberto Santos, mas não resistiu.

Dois veículos usados pelos criminosos no assalto, um Gol e um Palio, além de um revólver calibre 32 foram apreendidos e encaminhados à perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT). O caminhão roubado foi recuperado e entregue ao proprietário da empresa frigorífica.

De acordo com o delegado Guilherme Machado, coordenador da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), a dupla foi autuada em flagrante por roubo a mão armada, receptação, adulteração de sinal de veículo automotor e associação criminosa. “O flagrante foi convertido pelo juiz em prisão preventiva na audiência de custódia e a dupla já seguiu para o sistema prisional”, acrescentou o delegado.

Relacionados