Fortaleza sofre ataques em série e tem 12 ônibus incendiados em 2 dias

A cidade de Fortaleza, no Ceará, tem enfrentado uma série de ataques desde a tarde da última sexta-feira (27/07). Doze ônibus já foram incendiados e também há registros de disparos de arma de fogo contra um agência dos Correios, contra o prédio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e ainda contra a sede da Secretaria Municipal de Segurança Cidadã. Outro ato criminoso ocorreu em uma agência bancária, onde suspeitos atearam fogo aos caixas eletrônicos. Coquetéis molotov foram arremessados, sem sucesso, contra a secretaria regional IV e uma agência bancária. Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e não houve vítimas nas ocorrências.

A SSPDS (Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social) informou, em nota, que um dos suspeitos, identificado como Gean Patrick Aguiar Lima, 19 anos, foi preso no sábado (28/07). Com passagens por porte ilegal de arma de fogo e organização criminosa, ele foi detido à tarde com um galão de gasolina. Em outra ação policial, um casal foi encaminhado para o 7° Distrito Policial, também sob suspeita de ter participado dos ataques. Foram apreendidos um celular e uma motocicleta, que serão encaminhados para perícia. Eles foram liberados, mas continuarão sob investigação.

Na sexta-feira (27), outros dois suspeitos já haviam sido conduzidos à Draco (Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas), que investiga a motivação e autoria dos delitos. Em nota, a SSPDS também informou que o policiamento ostensivo foi reforçado em Fortaleza e na Região Metropolitana, com aumento de composições do POG (Policiamento Ostensivo Geral), da FT (Força Tática) e de equipes especializadas do BPChoque (Batalhão de Polícia de Choque), do BPRaio (Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas) e do BPRE (Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual) da Polícia Militar.

Segundo a secretaria, um helicóptero da Ciopaer (Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas da SSPDS) está dando apoio às ações policiais no combate e na prevenção dos crimes. A nota diz, ainda, que as forças de segurança estão trabalhando em parceria com a Etufor (Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza) e com o Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará) para garantir a circulação dos coletivos.

Relacionados